16 de abril/20: Fechamento e principais destaques do dia



O IFIX apresentou nesta quinta-feira (16), uma leve perda de -0,23%, fechando o dia aos 2.550,18 pontos. No acumulado do mês de abril e ano de 2020, a variação acumulada do índice é de +3,36% e -20,9%, respectivamente.

FIIS

Mercado de FIIs: Principais destaques e notícias do dia

GGRC11: Foi informado que um de seus inquilinos não pagou o aluguel referente ao mês de março/20. O aluguel da locatária representa aproximadamente 13% da receita imobiliária total do fundo. O inadimplemento vai representar um decréscimo de R$0,11 por cota nos rendimentos a serem distribuídos no mês de abril/20.

TRXF11: Foi aprovado pelo seu administrador a 2ª emissão de cotas do fundo, no montante de até 8.500.000 de cotas, que totaliza até R$ 816 milhões no valor de R$ 96,00 cada cota com base no valor de mercado da cota em 14 de abril de 2020.

SAAG11: A partir de 22/04/2020, as cotas de emissão desse fundo deixam de ser negociadas, em razão da incorporação do fundo pelo RBVA11.

NEWU11: Em 13 de janeiro foi realizada assembleia onde foi aprovada a transferência da gestão do fundo para o Banco Plural e a NewPort Real Estate que iniciaram o trabalho em 16 de março/20. O fundo, portanto, inicia agora mais uma fase, sob nova gestão e novo nome, e com o objetivo de se tornar um fundo imobiliário com ativos diversificados de qualidade, com fluxo de rendimentos resiliente e liquidez crescente.

NEWL11: Seu locatário realizou o pagamento do aluguel com vencimento em março/20 sem atrasos e, consequentemente, os rendimentos do fundo foram distribuídos normalmente. O fundo distribuiu R$ 0,70 por cota (DY 0,63%) como rendimento referente ao mês de março/20. O pagamento foi realizado no último dia 14 de abril.

CVBI11: O fundo encerrou o mês de março com a carteira adimplente com suas obrigações, onde 88% do patrimônio líquido estava alocado em CRI a uma rentabilidade média ponderada de 10,5% ao ano. Disse também que devido aos impactos da pandemia na economia, sua carteira poderá ser impactada no curto prazo. Os rendimentos do mês de março equivalentes a R$ 0,60 por cota serão distribuídos aos cotistas hoje, 16 de abril.

BCIA11: A cota patrimonial do BCIA11 apresentou retorno negativo de -15,04% em março/20. A distribuição de proventos foi de R$ 0,75 por cota, retomando um nível mais próximo da média histórica praticada pelo fundo. Diante da incerteza e da volatilidade do preço das cotas, o fundo adotou uma atitude cautelosa, privilegiando o aumento da liquidez.

TFOF11: Foi aprovado pela unanimidade de votos dos cotistas, representando 28,59% da base votante do fundo, a incorporação do TFOF11 pelo Hedge Top FOFII 3 (HFOF11). A administradora informou que as relações de troca da integração serão as definidas com base no valor patrimonial das cotas do TFOF11 e do HFOF11 do dia 30 de junho de 2020, sendo que as informações das efetivas relações de troca serão divulgadas oportunamente ao mercado.

Bruno Sperandio
Bruno Sperandio Autor

Engenheiro por formação, com mais de 7 anos de experiência no mercado de investimentos, trabalha com produção de conteúdo informativo e educacional para o mercado imobiliário brasileiro.




Comentários