BRCR11: Rentabilidade do FII é 4,7% negativa em fevereiro



Quer receber todas as notificações desse FII? Seguir FII Seguir Fundo

O FII BTG Pactual Corporate Office Fund (BRCR11) apresentou ao mercado seu informativo mensal referente ao mês de fevereiro/20.

Na ocasião, foi informado que amanhã, 04 de março de 2020, o BRCR11 disponibilizará após o fechamento de mercado, a sua divulgação de resultados do 4T19.

Em adição, o BTG Pactual, administrador e gestor do fundo, disse que a rentabilidade total no mês de fevereiro, considerando rendimentos distribuídos e o valor da cota, foi negativa em 4,7%, enquanto o índice dos fundos imobiliários IFIX registrou uma variação negativa de 3,67%.

No mercado secundário, a liquidez média diária do BRCR11 na bolsa foi de R$ 7,1 milhões no período e a cotação fechou o mês a R$ 109,00 por cota.

brcr11

Apresentando como referência o mês de janeiro, a vacância financeira do portfólio do BRCR11 foi de 8,1% em termos de receita por locação potencial e 14,1% sobre o total de Área Bruta Locável (ABL) em m².

brcr11

Embora o BRCR11 se encontre em um novo patamar de vacância, seu principal desafio ainda continua sendo a comercialização das áreas vagas do portfólio.

Segundo o BTG, o mercado de São Paulo já apresenta uma melhora significativa para imóveis bem posicionados e de qualidade. Já no Rio de Janeiro, o mercado tem se mostrado desafiador para novas locações.

Carteira de investimentos do BRCR11

O fundo apresenta 12 ativos em sua carteira distribuídos nos estados de São Paulo (69,8%) e Rio de Janeiro (30,2%).

brcr11

Características e informações do BRCR11

brcr1

O BC Fund é um dos maiores FIIs listados em bolsa do Brasil

O BRCR11 foi constituído em junho de 2007 e, desde então, adota uma gestão ativa de sua carteira. Seu objetivo primordial é investir em escritórios comerciais de laje corporativa, estrategicamente localizados em grandes centros comerciais.

Com relação a novos investimentos, o BTG Pactual destacou que o BRCR11 se encontra num momento de busca por oportunidades de aquisição, não descartando também seu potencial de alavancagem.

Bruno Sperandio
Bruno Sperandio Autor

Engenheiro por formação, com mais de 7 anos de experiência no mercado de investimentos, trabalha com produção de conteúdo informativo e educacional para o mercado imobiliário brasileiro.




Comentários