FCFL11 comunica contrato de locação com nova locatária para área de estacionamento de imóvel



O FII Campus Faria Lima (FCFL11),  através do seu administrador, o BTG Pactual Serviços Financeiros S.A. DTVM, comunicou hoje (17) ao mercado que o fundo assinou um novo contrato de locação, com a locatária NNP Participações e Serviços de Estacionamento LTDA, referente a área do estacionamento do seu único imóvel, com prazo de 5 anos contados a partir do último dia 1º de novembro, “com carência e descontos em linha com o praticado na região”.

De acordo com o informado, considerando o aluguel mínimo mensal a ser recebido pelo aluguel da nova locação, o fundo terá um impacto positivo em suas receitas de, aproximadamente, 0,77% em comparação às receitas do último mês de outubro, e aproximadamente R$ 0,005 por cota.

A administradora esclareceu ainda que os valores são uma estimativa, dado que o aluguel é composto pelo valor mínimo acrescido de uma parcela variável a depender do fluxo de veículos. “A administradora ressalta que a nova locação é resultado do trabalho ativo que vem realizando com o intuito de gerar valor para o fundo e seus cotistas”, ressaltou o BTG em seu comunicado.

Obras de manutenção no imóvel

No mesmo comunicado, o BTG lembrou que, em dezembro de 2019 foram iniciadas as obras de manutenção no imóvel.

Em razão das referidas obras, entre o período de dezembro de 2019 a agosto de 2020, foi utilizada para carga e descarga do recebimento de materiais de obra, uma área de 1.763m² do imóvel locado. No último mês de setembro, no entanto, uma parte da área foi devolvida, porém continua sendo utilizada uma área de 1.085,50m².

Em função do exposto acima e dado que o Insper - Instituto de Ensino e Pesquisa, locatário do imóvel, arca com o aluguel mensal de acordo com a área locada, conforme contrato de locação, foi acordado o reembolso ao locatário dos seguintes valores:

  • 1º Período de Interdição de dezembro/2019 até agosto/2020: R$ 1.620.000, a ser abatido do aluguel mensal em 09 parcelas, ou seja, R$ 180.000,00 por mês, a partir da competência de outubro/2020, com vencimento em novembro/2020, até a competência de junho/2021, com vencimento em julho/2021. Os reembolsos supracitados representam um impacto negativo na receita de, aproximadamente, R$ 0,05 por cota ao mês;
  • 2º Período de Interdição a partir de setembro/2020: R$ 115.000,00 a partir da competência de julho/2021 até o período final da interdição. Os reembolsos supracitados representam um impacto negativo na receita de, aproximadamente, R$ 0,03 por cota ao mês.

O BTG concluiu o comunicado informando que poderá utilizar reserva de contingência para minimizar os impactos extraordinários na distribuição.

Saiba mais sobre o FCFL11

O FCFL11 é fundo imobiliário monoativo proprietário de 100% do imóvel localizado na Rua Quatá, nº 300, na Vila Olímpia, São Paulo (SP). O Insper (seu principal locatário) é uma instituição acadêmica sem fins lucrativos que oferece cursos de graduação em Economia e Administração, pós-graduações, MBA, Mestrados e cursos de curta duração.

FCFL11

O imóvel abriga 35 salas de aula, 360 vagas de estacionamento, biblioteca, lanchonete, 327 lugares no auditório e quadra poliesportiva. Ademais, em relação a até então situação do estacionamento, o FCFL11 havia recebido, em maio, uma notificação da Allpark Empreendimentos, Participações e Serviços S/A, empresa responsável pela operação do estacionamento do Insper na época.

A posse da área foi entregue ao fundo, e após tentativas extrajudiciais de quitação dos valores em aberto, a administradora esclareceu que ingressou com um processo judicial para reaver os valores em aberto, respeitando o contrato de locação entre as partes, visando assim preservar o patrimônio dos cotistas.

Rafael Campagnaro
Rafael Campagnaro Autor

Engenheiro por formação, trabalha com produção de conteúdo informativo e educacional para o mercado financeiro no FIIs.com.br desde que iniciou no universo das finanças.




Comentários