01 de julho/20: Fechamento e principais destaques do dia



O IFIX apresentou nesta quarta-feira (01), uma valorização de 0,35%, fechando o primeiro dia do 2º semestre de 2020 aos 2.816,04 pontos. No acumulado deste mês de julho e ano de 2020, a variação do índice é de +0,35% e -10,89%, respectivamente.

Mercado de FIIs: Principais destaques e notícias do dia

HPDP11 (Tijolo/Shopping): Valor patrimonial do shopping apresentou uma variação negativa de 1,54%

A Hedge Investments, administrador, comunicou que o imóvel do fundo foi avaliado a mercado (valor justo) pela empresa Cushman & Wakefield, resultando em valor 1,56% inferior ao valor contábil atual de referido imóvel, o que representa uma variação negativa de aproximadamente 1,54% no valor patrimonial da cota do fundo no dia 30 de junho/20.

 

MCCI11 (Papel/CRI) optou por receber de forma parcelada a taxa de performance aplicada no fundo

Sua gestora - Mauá Capital Real Estate - por mera liberalidade, optou por receber de forma parcelada a taxa de performance apurada no último semestre, base de cálculo de novembro de 2019 a maio de 2020, que lhe é devida, no valor de R$1.691.989,13. O pagamento será realizado pelo em 6 parcelas mensais e iguais, sendo a primeira neste mês de julho/20, e as demais nos meses subsequentes.

 

QAGR11 (Tijolo/Outros) assina escritura de 4 ativos locados para empresa do ramo alimentício

O fundo realizou assinatura da escritura dos 4 Centros de Recebimento de Grãos, pelo montante total de R$ 49.779.714,00.

Os centros de recebimento de grãos adquiridos estão localizados nos municípios de Francisco Beltrão, Medianeira e Pato Branco, no estado do Paraná e um localizado no município de Campo Erê, estado de Santa Catarina.

Os mesmos foram locados para BRF S.A. empresa dedicada, dentre outras atividades, à produção e comercialização de alimentos industrializados.

O contrato de aluguel firmado é atípico com vigência de 20 anos a partir da data de conclusão da transação, com valor de aluguel mensal aproximado de R$ 311.123,21 o que representa aproximadamente R$ 0,06 por cota, sendo corrigido anualmente pelo índice de preços IPCA.

Além disso, esta foi uma operação de Sale & Leaseback, ou seja, ao mesmo tempo que a gestora compra o ativo da BRF, ela se torna sua Locatária.

 

FLRP11 (Tijolo/Shoppings) está aberto novamente

Após uma semana fechado, o Floripa Shopping retomou suas atividades no dia 30 de junho/20. Desta forma, serão retomadas todas as atividades e serviços ofertados, inicialmente com horário reduzido, e cumprindo todas as normas de segurança estabelecidas pelos órgãos competentes para preservar a saúde de todos, e mitigar a evolução dos casos do vírus.

 

GGRC11 (Tijolo/Galpões) renegocia contratos para evitar inadimplências e fala sobre contrato atípico de 10 anos

Para evitar inadimplência, o fundo comunicou que acordou coma locatária Covolan Indústria Têxtil uma redefinição do fluxo de pagamentos dos aluguéis devidos até o fim do contrato.

Com o novo acordo, haverá uma redução de rendimento das cotas nos meses de junho/20 a fevereiro/21 de aproximadamente R$0,07 por cota. Após o período citado, esta redução será ressarcida ao longo do pagamento dos futuros rendimentos deste imóvel durante o restante da vigência do contrato.

O GGRC11 também informou que o contrato de aluguel do imóvel adquirido no dia 24 de outubro/19 cujo foi realizada a edificação de um galpão industrial através de um contrato de locação atípico built-to-suit (BTS) para a BENTELER SISTEMAS AUTOMOTIVOS que desenvolve, fabrica e entrega produtos, sistemas e serviços para os setores automotivo, de energia e engenharia (Locatária), foi iniciado em 01 de junho/20 com prazo de 10 anos.

O pagamento do valor mensal à título de aluguel do imóvel é de R$ 520.237,76. O Imóvel está localizado no Polo Empresarial VTO Igarassu, no município de Igarassu, no Estado de Pernambuco.

 

HGRU11 (Híbrido): HGRU13 e HGRU14 foram convertidos em cotas do fundo HGRU11

Fundo informou que os recibos de subscrição (HGRU13 e HGRU14) foram convertidos em cotas do fundo (HGRU11) na abertura dos mercados do dia 1º de julho/20.

Adicionalmente, em 30 de junho/20, o fundo anunciou a distribuição de rendimentos do fundo para cada recibo de subscrição (HGRU13 e HGRU14, separadamente), correspondente ao resultado de aplicação financeira destes recursos nos respectivos períodos, os quais serão pagos em 14 de julho/20. Após essas distribuições, todas as cotas devidamente emitidas, subscritas e integralizadas (inclusive as cotas da 3ª emissão) farão jus a futuras distribuições de rendimentos em igualdade de condições.

 

KNRI11 (Híbrido) mantem o valor dos rendimentos mensais - Destaques de junho

  • No mês de junho foi concluída a reavaliação anual da carteira de imóveis do Kinea Renda Imobiliária. A reavaliação apontou uma pequena redução, de 2,15%, no valor contábil dos ativos com a cota patrimonial passando a ser de R$ 156,91.
  • Segundo o Kinea (gestor), a carteira do fundo continuou apresentando solidez frente ao prolongamento da crise do coronavírus apresentando boa performance de recebimentos de aluguéis no mês de junho.
  • Na carteira de inquilinos, o fundo teve a desocupação de 540 m² do Edifício Lagoa Corporate pela empresa Regus. O locatário optou por reduzir a ocupação, permanecendo, entretanto, com a maior parte da sua operação em funcionamento no imóvel.
  • A vacância física passou a ser de 5,68% (ante 5,58% no mês anterior), a vacância financeira de 8,78 % (ante 8,30% no mês anterior).
  • O valor de rendimentos distribuídos pelo fundo referente ao mês cujo pagamento ocorrerá em 14 de junho/20, foi mantido em R$0,65 por cota (Dividendo 0,38%, cota base R$ 168,94).
  • No mercado secundário, os volumes transacionados representaram um total de 559.451 cotas negociadas, equivalentes a aproximadamente 2,37% do total de cotas do KNRI11 com um volume médio diário de R$ 4.496.474. Atualmente o fundo possui a maior participação no IFIX (5,108%).
  • Portfólio composto por 19 propriedades sendo 10 edifícios comerciais e 9 centros logísticos. O fundo possui um total de 82 contratos de locação e mais de 50 inquilinos. O prazo médio dos contratos firmados pelo fundo é de 9,80 anos.

 

KFOF11 (Fundo de Fundos/FOF) inicia sua 3ª emissão de cotas - Destaques de junho

  • No dia 1º de julho inicia a 3ª emissão de cotas do fundo com os esforços de colocação sendo feitos exclusivamente pelo Banco Itaú.
  • No fim de junho, 95% dos ativos do fundo estavam alocados em fundos imobiliários.
  • O rendimento a ser distribuído em 14 de junho/20 será de R$ 0,91 por cota, representando um dividendo de 0,81% (cota base R$ 111,25).
  • Os rendimentos distribuídos foram positivamente impactados pela estratégia da equipe de gestão de reciclagem de portfólio que gerou um ganho de capital. Tal estratégia consistiu na venda de determinados ativos do portfólio com posterior realocação dos recursos em fundos com melhor relação risco retorno.
  • Desde seu início, em 3 de setembro/18, o desempenho da cota patrimonial do fundo, ajustada pelos proventos distribuídos, foi de 21,3%, comparado a uma valorização de 31,41% do IFIX e 8,42% do CDI.
  • Em junho, as cotas foram negociadas em 100% dos pregões da B3, com volume total negociado de R$ 9,2 milhões e volume médio diário de aproximadamente R$ 0,44 milhões.

 

KNCR11 (Papel/CRI): Liquidez diária foi de R$ 4 milhões - Destaques de Junho

  • No mês, ocorreu pagamento antecipado de CRI gerando um resultado de R$ 0,11 por cota, a ser distribuído nos próximos meses. Fundo informou que o caixa proveniente desta antecipação será utilizado para aproveitar oportunidades no atual mercado.
  • As alocações finalizaram o mês com 94,4% em CRIs com garantias reais e devedores de alta qualidade de crédito. Os restantes 5,6% estão alocados em ativos em instrumentos de caixa.
  • Nos rendimentos, será distribuído no próximo dia 14 de julho, R$ 0,30 por cota, representando um dividendo de 0,32% no mês (cota base R$ 92,40).
  • Foram transacionados um volume de 85,5 milhões em junho, correspondendo à uma média de aproximadamente R$ 4,07 milhões por dia.

HFOF11/TFOF11 (Fundos de Fundos/FOF): Incorporaçãodos FIIs

Os fundo foram incorporados, buscando unificá-los, consolidando os respectivos patrimônios e cotistas de forma a melhorar liquidez, otimizar gestão e diluir despesas.

Com isso, as relações de troca da incorporação definidas com base no valor patrimonial das cotas do HFOF11 e do TFOF11 do dia 30 de junho/20 serão indicadas de modo que cada cota de TFOF11 passará a ser representada por 1,182510 cotas do HFOF11.

Ademais, a administradora destacou que as frações de cotas decorrentes das relações de troca serão agregadas e levadas a leilão, a ser realizado em data ainda indeterminada na B3 para pagamento aos detentores de tais frações.

 

XPHT11 (Tijolo/Hoteis) tem 4 de 14 hotéis em funcionamento

Fundo informou que as atividades do hotel Ibis Styles Porto Alegre foram retomadas no dia 01 de julho/20. Dessa forma, o fundo passa a ter 4 de 14 hotéis em funcionamento.

A administradora ressaltou que a reabertura das operações hoteleiras deverá levar em consideração uma série de fatores, como, por exemplo, a adoção de protocolos mais rigorosos, principalmente no que tange à limpeza e higiene, cumprimento das melhores práticas e procedimentos oficiais de prevenção ao contágio recomendados pelas autoridades competentes (Ministério da Saúde e ANVISA), bem como pela OMS, com vistas à preservação da saúde dos colaboradores e dos hóspedes, entre outros.

Bruno Sperandio
Bruno Sperandio Autor

Engenheiro por formação, com mais de 7 anos de experiência no mercado de investimentos, trabalha com produção de conteúdo informativo e educacional para o mercado imobiliário brasileiro.




Comentários