25 de setembro/20: fechamento e principais destaques do dia



O IFIX apresentou nesta sexta-feira (25), uma desvalorização de 0,05%, fechando o dia aos 2.788,11 pontos. No acumulado do mês de setembro e ano de 2020, a variação do índice é de +0,22% e -12,64%, respectivamente.

Mercado de FIIs: principais destaques e notícias do dia

HGRU11 (Híbrido) divulgou sua 4ª emissão com valor de R$ 119,20/cota

  • O Credit Suisse, administrador do fundo, divulgou a 4ª emissão de cotas com o preço de emissão de R$ 119,20/cota, somando o valor total de R$ 583.333.450,40.
  • Este valor não inclui o custo unitário de distribuição, destinado a arcar com os custos de distribuição, no valor de R$ 4,17/cota.
  • Serão emitidas, no mínimo, 419.464 e, no máximo, 4.893.737 cotas, sendo que a administradora poderá optar por exercer a opção de lote adicional, podendo aumentar em até 20% das cotas inicialmente ofertadas.
  • Para participar da nova oferta, cada investidor deverá investir, no mínimo, 250 cotas, que somam o valor de R$ 30.842,50 (valor já contém os custos de distribuição).
  • O investimento mínimo é válido para novos investidores e os atuais cotistas terão seus diretos de subscrições, normalmente.

 

GGRC11 (Tijolo/Galpões) pagou a última parcela (tranche) de seu imóvel localizado no nordeste, em Pernambuco

  • O fundo comunicou que no dia 24 de setembro/20 foi paga a última parcela (R$3.781.760,75) da aquisição do imóvel localizado na cidade de Igarassu, estado do Pernambuco.
  • No imóvel foi realizada a edificação de um galpão industrial através de um contrato built-to-suit (BTS) para a BENTELER SISTEMAS AUTOMOTIVOS que desenvolve, fabrica e entrega produtos, sistemas e serviços para os setores automotivo, de energia e engenharia, pelo prazo de 10 anos, iniciados em 01 de junho/20.
  • Conforme divulgou o documento, o retorno aproximado para o fundo pelo conceito de cap rate será de 9,13% ao ano. O GGRC11 recebe o valor de R$523.069,13 a título de aluguel (média de R$ 0,08/cota).

 

EDGA11 (Tijolo/Escritórios): flexibilizações nos alugueis geram impactos negativos para o fundo

  • O fundo informou que concedeu para algumas de suas locatárias à flexibilização nos valores dos alugueis, gerando um impacto negativo na distribuição de rendimentos em aproximadamente R$ 0,02/cota, referência aos resultados de agosto/20.
  • A administradora também disse que em conjunto com seu Consultor Imobiliário, está fazendo um acompanhamento particularizado com as locatárias com o objetivo de mapear os impactos do COVID-19.
  • O EDGA11, por último, ressaltou que pleiteou judicialmente os valores devidos para algumas locatárias que se encontravam inadimplentes, dentre elas Restaurante Uniko Eireli e Saphyr Administradora De Centros Comerciais Ltda.

 

OULG11 (Tijolo/Galpões): rendimentos de agosto geraram um dividend yield de 0,65% - Destaques do mês

  • O Ourinvest Logística tem como objetivo a aquisição de imóveis voltados para as atividades logística e industrial e conta hoje com dois imóveis e aproximadamente 80.000 m² de ABL próprio.
  • Todos os locatários cumpriram pontualmente com suas obrigações, sendo que este foi o primeiro mês com o aluguel da Mercedes reduzido, levando o resultado distribuível no mês a R$ 0,62/cota.
  • A distribuição efetiva do mês foi de R$ 0,61/cota (dividend yield mensal, 0,65%, cota base R$ 93,99). O fundo conta ainda com reserva de contingência de aproximadamente R$ 876 mil para manutenções das propriedades caso necessário.
  • Os imóveis detidos pelo fundo são: Imóvel em Juiz de Fora (MG), construído na modalidade Built-to-Suit, com um contrato atípico firmado com a Mercedes Benz a menos de 3km da fábrica de caminhões da locatária; e o Imóvel localizado em Duque de Caixas (RJ) com um contrato típico firmado com a Braskem, a 5,6 km da planta operacional da locatária.

 

VINO11 (Tijolo/Escritórios) adquire 30% do BMA Corporate, na zona sul do rio de janeiro, e passa a ter 100% do ativo

  • O fundo informou que concluiu, nesta sexta-feira (25), a aquisição de 30,0% da fração imobiliária do edifício BMA Corporate, passando a ter 100% do imóvel com essa aquisição (cap rate de 7,3%). O edifício encontra-se 96% ocupado.
  • O imóvel está localizado no Largo do Ibam, 1, Humaitá, bairro da zona sul do Rio de Janeiro, RJ, possui 8.264 m² de área BOMA.
  • Valor total da aquisição, pago à vista nesta data, foi de R$ 39,3 milhões.

 

CTXT11 (Tijolo/Outros): com saída de locatários, impacto na receita de locação será de aproximadamente 45% a partir de novembro - Destaques de agosto

  • O FII Centro Têxtil Internacional tem por objetivo a exploração do empreendimento denominado Centro Têxtil Internacional e a comercialização de salões de uso, do qual detém participação de 75%.
  • O fundo apresentou o resultado operacional em regime de caixa de R$0,39/cota, em linha com o orçamento. A distribuição referente ao mês foi de 0,38/cota (dividend yield, 0,77%, cota base R$ 49,40).
  • Conforme publicado via fato relevante de 01 de julho/20, foi recebida notificação extrajudicial encaminhada pelo locatário ITÁU UNIBANCO S/A sobre a devolução de duas unidades do centro. Com isso, o Itaú Unibanco deverá desocupar duas unidades no imóvel com metragem total de 22.202,75 m². A metragem total equivale a 49% da área bruta locável do imóvel do fundo.
  • A devolução do Pavilhão IV ocorreu no início de setembro e a devolução do Pavilhão II está prevista para o início de outubro.
  • O impacto na receita de locação proveniente da devolução total das áreas será de aproximadamente 45% a partir de novembro.
  • As despesas de vacância ainda não tiveram impacto no mês de agosto e impactarão no resultado operacional do fundo de acordo com o cronograma das devoluções.
  • As multas rescisórias devem ser recebidas oportunamente ainda no ano de 2020 e qualquer atualização sobre a locação dos espaços vagos serão informadas oportunamente pela administradora do fundo.

 

ONEF11 (Tijolo/Escritórios): locatário relevante renovou contrato por mais 5 anos

  • Fundo informou no dia 25 de setembro/20, que assinou um contrato com seu locatário BANCO DO BRASIL S.A., ocupante do 10º andar do Edifício The One, para renovação pelo prazo de 5 anos.
  • O contrato, que se encerraria em 31/10/2020, passa a ter prazo de locação de 01/11/2020 a 31/10/2025, com redução do valor do aluguel mensal.
  • No entanto, a distribuição de rendimentos permanecerá em R$ 0,63/cota, uma vez que o impacto da redução vai ocorrer dentro do limite de distribuição de 95% do resultado em regime de caixa.
  • A Locatária representa 40,3% das receitas imobiliárias do ONEF11.

 

RBVA11 (Tijolo/Outros) atualiza os processos movidos por seu locatário Banco Santander (Brasil)

  • Até às 18h do dia 25 de setembro, dos 28 processos, o Tribunal de Justiça de São Paulo já se manifestou em 27, sendo que todas as manifestações foram favoráveis ao RBVA11, faltando apenas o imóvel localizado na Avenida São João Pinheiro, nº 500, Belo Horizonte/MG.

 

 

Bruno Sperandio
Bruno Sperandio Autor

Engenheiro por formação, com mais de 7 anos de experiência no mercado de investimentos, trabalha com produção de conteúdo informativo e educacional para o mercado imobiliário brasileiro.




Comentários