FII de lajes corporativas RCRB11 comunicou a aquisição de mais um imóvel comercial



Quer receber todas as notificações desse FII? Seguir FII Seguir Fundo

A Rio Bravo, administradora do Fundo de Investimento Imobiliário Rio Bravo Renda Corporativa (RCRB11) comunicou que realizou no dia de ontem, 17 de fevereiro de 2020, uma assinatura de compromisso para aquisição de 100% do Condomínio Edifício 1800, localizado na cidade de São Paulo.

O empreendimento possui 16 pavimentos que totalizam 5.835,50 m² de área privativa coberta.

rcrb11

O Imóvel está localizado na região da Avenida Paulista, uma das regiões mais consolidadas do país, com amplo serviço de transporte público, servida por diversas linhas de ônibus e metrô, e vacância historicamente menor do que a média das grandes capitais.

rcrb11

O Imóvel corresponde a 15,6% da Área Bruta Locável (ABL) total do RCRB11 e sua vacância física projetada passa a ser de 22,5%.

O edifício está totalmente vago e passará por reformas

De acordo com as informações do documento, o imóvel encontra-se totalmente vago e passará por retrofit para ganhar competitividade.

O projeto de retrofit será realizado e executado pela Etoile Negócios Imobiliários S/A, empresa com expertise nas áreas de incorporação imobiliária e venda de imóveis.

A previsão inicial é de que a execução da reforma do imóvel seja concluída até o final do ano de 2020. Confira abaixo o projeto simulado sendo apenas uma estimativa da Rio Bravo.

rcrb11

O preço de aquisição do imóvel

A aquisição tem valor de R$ 67 milhões e o pagamento será realizado em 03 parcelas de R$ 22,3 milhões, sendo a primeira paga no dia da divulgação (ontem, 17 de fevereiro de 2020) e as demais com prazo de pagamento para 03 de março de 2020 e 03 de abril de 2020.

É importante destacar que a Rio Bravo deverá propor aos cotistas do RCRB11 a realização de nova emissão de cotas para a realização do pagamento do imóvel e do posterior retrofit.

Portfólio de ativos do RCRB11

O fundo passa a ser proprietário de 37.517,06 m² de ABL e a ter 92,6% de exposição do portfólio no eixo Vila Madalena/Paulista/Faria Lima/Vila Olímpia/Berrini, que são regiões consolidadas no mercado corporativo de São Paulo e apresentam baixos índices de vacância.

Importante ressaltar a diversificação geográfica, onde o RCRB11 amplia seus ativos e passa a deter participação em 11 imóveis, sendo 83,4% do seu ABL total localizado nos eixos Paulista e Faria Lima/Vila Olímpia, principais regiões corporativas do país, o que amplia o potencial de resiliência do fundo no longo prazo, destacou sua gestora.

rcrb11

 

Por fim, foi informado que a assinatura da escritura de compra e venda está condicionada à conclusão do pagamento da parcela intermediária e parcela final e para efetuar tal pagamento, a Rio Bravo deverá propor aos cotistas do RCRB11 a realização de nova emissão de cotas, a serem colocadas no mercado por meio de oferta pública com esforços restritos de colocação.

O RCRB11, fundo imobiliário com gestão ativa do tipo tijolo, possui cerca de 22,7 mil cotistas e tem por objetivo a realização de investimentos em lajes corporativas, priorizando os segmentos comercial e empresarial.

Bruno Sperandio
Bruno Sperandio Autor

Engenheiro por formação, com mais de 7 anos de experiência no mercado de investimentos, trabalha com produção de conteúdo informativo e educacional para o mercado imobiliário brasileiro.




Comentários