Quer receber todas as notificações desse FII? Seguir FII Seguir Fundo

O BRL Trust, administrador do fundo, informou que o nome e o ticker foram alterados a partir do dia de ontem, 06 de maio/20, onde as cotas do SDI Properties FII (SDIP11) passam a ser negociadas com o nome de pregão “FII TEL PROP” e com novo código de negociação TEPP11.

O fundo, portanto, passa formalmente a se chamar Tellus Properties FII devido a mudança de nome do gestor, onde, de acordo com o administrador, fez sentido promover a mesma migração no nome e ticker do fundo.

Falando agora em seus seus resultados, o relatório mensal apresentou que em abril, com a continuidade das restrições decorrentes da pandemia, seu gestor deu seguimento no processo de discussão a respeito de eventuais flexibilizações no fluxo de locações dos ativos do fundo, onde destacou que apesar de demandar bastante em termos de discussão, análise e negociação, o processo parece estar trazendo bons resultados.

Nesse sentido, o documento apontou algumas das principais conclusões sobre o momento que o TEPP11 está passando:

  • Os locatários do fundo apresentam, na média, uma boa qualidade de risco de crédito.
  • A tese do fundo trouxe diferenciação num momento agudo como o que estamos vivendo, pois, seu portfólio de imóveis é composto por ativos com uma boa relação entre custo e benefício.
  • O momento pelo qual o fundo passava quando a crise se iniciou de certa forma acabou ajudando, já que parte relevante do portfólio ainda tinha contratos defasados em termos de valor de locação e encontrava-se no início do processo de renegociação.

Em adição, também relatou que mesmo com certas restrições o gestor vem também dando continuidade na condução do processo de melhoria em seus ativos, com resultados começando a aparecer, sendo eles:

  • Reduções de custo de condomínio (não somente durante a quarentena, mas de forma permanente);
  • Finalização da contratação de obras no térreo do Condomínio São Luiz;
  • Convocação de assembleia para homologação da reforma das áreas comuns e das mudanças no estacionamento do Ed. Passarelli (vagas passam a ser indeterminadas); e
  • Implantação de um café no Ed. Torre Sul.

Esses são exemplos de avanços recentes que devem se concretizar nos próximos meses. O gestor declarou que permanecerá focado em avançar o mais rápido possível nestas frentes, para que após a normalização do mercado possa colher uma retomada mais acentuada nos valores de locação a serem praticados.

Distribuições e mercado secundário do TEPP11

Em seus resultados, o TEPP11 distribuiu em abril, assim como em março, um dividendo de R$0,49 por cota. Esse valor representa um dividendo de 0,53% para o mês de abril. (cota base R$ 91,00).

tepp11

No mercado de negociação e liquidez da B3, com 100% de presença nos pregões, o TEPP11 atingiu um volume médio diário negociado de R$ 1,35 milhão. Essa movimentação equivale a um giro de 9,7% de suas cotas.

tepp11

Patrimônio do TEPP11

Em seu portfólio, o fundo fechou o mês de abril com 96% alocado em imóveis do segmento de escritórios e os restantes 4% em aplicações financeiras, renda fixa e cotas de fundos. Os imóveis são os que seguem abaixo:

O Edifício Torre Sul situado na Rua James Joule, 65 – Cidade Monções, São Paulo, SP. A aquisição do edifício contemplou um pacote composto por 100% de 15 conjuntos, 62,5% da fração ideal dos 2 conjuntos, da loja, do teatro e do restaurante, além de 50% da fração ideal de 178 vagas de garagem. Essas unidades atualmente encontram-se, de forma conjunta, 88% alugadas.

tepp11

O segundo é o Condomínio São Luiz, localizado na Av. Pres. Juscelino Kubitschek, 1.830 – Itaim Bibi, São Paulo, SP. Nesse empreendimento, o TEPP11 adquiriu em outubro/19 o equivalente a 21% da ABL total da propriedade. O pacote de lajes adquiridas é composto pelas unidades 10º ao 14º andar da Torre I, do 12º andar da Torre II, do 2º ao 4º andar e do 9º ao 11º andar da Torre III, bem como das vagas de garagem. As unidades atualmente encontram-se, de forma conjunta, 100% alugadas.

tepp11

Por último, o Edifício Passarelli, construído na Rua Paes Leme, 524 – Pinheiros, São Paulo, SP. Este imóvel o fundo também adquiriu em outubro/19 o equivalente a 42,5% da ABL total do empreendimento. O pacote de conjuntos adquiridos é composto por 39 unidades, das quais atualmente encontram-se, de forma conjunta, 97% alugadas (apenas um conjunto de 169 m² encontra-se vago).

tepp11

TEPP11 é um FII do tipo tijolo de gestão ativa que atua com prioridade no segmento de lajes corporativas. Seu patrimônio atual é de R$ 349,3 milhões.

Bruno Sperandio
Bruno Sperandio Autor

Engenheiro por formação, com mais de 7 anos de experiência no mercado de investimentos, trabalha com produção de conteúdo informativo e educacional para o mercado imobiliário brasileiro.




Comentários