Taxa de ocupação do EDGA11 diminuiu no último período apresentado



Quer receber todas as notificações desse FII? Seguir FII Seguir Fundo

O Edifício Galeria - EDGA11 - é um fundo imobiliário monoativo proprietário de 100% do Edifício Galeria, localizado na Rua da Quitanda, no centro da cidade do Rio de Janeiro.

O imóvel abriga 8 pavimentos de lajes corporativas, lojas, restaurantes, além de 1 shopping localizado no térreo e subsolo.

Com localização privilegiada e próximo do aeroporto Santos Dumont, o acesso ao local é facilitado pelas estações de metrô, que ficam a uma distância aproximada de 500 metros e pelas linhas de ônibus que servem a região.

Taxa de ocupação x Taxa de vacância

Nesta quarta-feira, 11 de dezembro de 2019, o fundo apresentou seu relatório com os resultados demonstrados até o fim do terceiro trimestre deste ano.

Em nota, foi exposto que sua taxa de ocupação sofreu uma queda de 10,9% no final de junho, saindo de 81,7% de área ocupada, para 70,8%.

Seus locatários são:

Embora a vacância do fundo esteja em patamares controlados, a administradora ressaltou que está trabalhando na comercialização das áreas vagas do imóvel com o intuito de reduzir a vacância e minimizar o custo financeiro de tais áreas para o fundo.

Desempenho, mercado secundário e liquidez

O relatório informou também, o desempenho do fundo até o final do mês de setembro. Conforme apresentado, as negociações tiveram um volume de R$ 6 milhões com 124 mil cotas negociadas.

Fazendo um comparativo nos últimos doze meses, seu volume de negociações em agosto apresenta a maior movimentação do período.

Em seus rendimentos e distribuições, o fundo apontou uma volatilidade constante no período, distribuindo valores entre R$ 0,17 e R$ 0,39 por cota.

Saiba mais sobre o EDGA11

FII Edifício Galeria iniciou suas atividades no inicio de 2012, é um fundo imobiliário monoativo ( FIIs que possuem somente um ativo em seu portfólio) do tipo tijolo com gestão passiva.

Possui cerca de 5,6 mil cotistas, tem por objetivo a realização de investimentos em imóveis de lajes corporativas, priorizando o segmento empresarial e entretenimentos.

Atualmente, é administrado BTG Pactual e possui R$ 326,7 milhões em patrimônio com uma taxa de administração de 2,50% ao mês sobre o valor recebido dos alugueis.

Bruno Sperandio
Bruno Sperandio Autor

Engenheiro por formação, com mais de 7 anos de experiência no mercado de investimentos, trabalha com produção de conteúdo informativo e educacional para o mercado imobiliário brasileiro.




Comentários