XPLG11 - Fundo já está entre os 20 FIIs mais negociados em bolsa



Quer receber todas as notificações desse FII? Seguir FII Seguir Fundo

O fundo que tem representado uma grande evolução no mercado de fundos imobiliários, o XP LOG FII (XPLG11), e que iniciou no mercado recentemente (junho de 2018), divulgou hoje o seu relatório de performance do último mês de outubro.

Segundo comentou a sua gestão (XP Vista) o fundo teve algumas importantes movimentações, destacando a captação líquida da terceira emissão de cotas (R$ 828 milhões) que integrou o patrimônio líquido do fundo no dia 1º de outubro e, já no dia seguinte, mais de 75% do volume captado foi alocado, conforme informações divulgadas no último relatório mensal.

Seguindo seus movimentos, no dia 16 de outubro, foi celebrado o Compromisso de Cessão de Direito Real de Aquisição, cujo objetivo é a aquisição da fração de 55% dos imóveis localizados no Município de Cajamar-SP, onde serão edificados galpões logísticos especulativos, com área construída estimada total de 125.717,00 m² cuja expectativa de entrega de obras é no 1º trimestre de 2021.

As obras do Centro Logístico Especulativo tiveram seu monitoramento iniciado no mês de outubro e estão em conformidade com seu cronograma previsto de entrega. A principal atividade em andamento é a terraplenagem.

Já no dia 05 de novembro, o fundo adquiriu 80% do imóvel do WTTP2, localizado em Barueri - SP, com área construída de 30.104,37 m², pelo valor total de R$ 77.725.486,09 milhões.

Distribuição de rendimentos do XPLG11 segue com baixa volatilidade

A distribuição de R$ 0,64 por cota, que será distribuída no próximo dia 14, corresponde a um Dividend Yield anualizado de 6,9% em relação ao valor da cota de mercado no fechamento do mês (R$ 111,35), ou um Dividend Yield anualizado de 7,6% se considerar o valor da última emissão (R$ 101,00).

A seguir pode-se conferir a demonstração da composição do resultado financeiro e a distribuição por cota nos últimos 12 meses. Repare que o fundo segue com baixa volatilidade na distribuição de seus rendimentos.

Fundo segue com uma relevante liquidez

Ocorreram 2.315.069 negociações no período, movimentando um volume de R$ 247,8 milhões. Sua liquidez média diária na bolsa foi de R$ 10,8 milhões e a cotação no mercado secundário fechou o período a R$ 111,35.

Com 100% de presença nos pregões, o XP LOG já representa 1,4% no índice IFIX e está, com isso, entre os 20 fundos imobiliários mais negociados em bolsa.

O portfólio do fundo está em constante crescimento

Com um patrimônio liquido de aproximadamente R$ 1,5 bilhão, seus investimentos são distribuídos majoritariamente em imóveis, sendo 96% aplicados em empreendimentos de galpões logísticos e os outros 4% em renda fixa e outras aplicações de caixa.

Entenda a trajetória de aquisições do XPLG11

O XPLG11 é um fundo imobiliário que tem o objetivo de obter ganhos pela aquisição e exploração comercial de empreendimentos, especialmente na área logística e industrial.

Atualmente, o fundo conta com uma taxa de taxa administração de 0,95%-0,75% ao ano (em regra de cascata conforme previsto no regulamento), e taxa de performance de 20% do que exceder o benchmark (IPCA + 6,0% ao ano).

Bruno Sperandio
Bruno Sperandio Autor

Engenheiro por formação, com mais de 7 anos de experiência no mercado de investimentos, trabalha com produção de conteúdo informativo e educacional para o mercado imobiliário brasileiro.




Comentários