Mercado financeiro – Informações e conceitos



Caro investidor, quero te apresentar um lugar onde o dinheiro trabalha para você: o mercado financeiro.

Enquanto você dorme ou faz qualquer outra coisa, seu dinheiro aplicado no mercado financeiro está rendendo a cada dia.

O mercado financeiro é, por definição, um ambiente de compra e venda de valores mobiliários (ações, opções, títulos), câmbio (moedas estrangeiras) e mercadorias (ouro, produtos agrícolas). Nessas negociações, estão envolvidas diversas instituições, que facilitam o encontro entre agentes que regulam e fiscalizam as transações.

Como funciona o mercado financeiro

mercado financeiro

Há quatro segmentos de mercado dentro do mercado financeiro:

Mercado de câmbio

É o mercado onde são realizadas as trocas de moedas estrangeiras (como dólar) por moeda nacional (o real).

Participam desse mercado todos os agentes econômicos, por exemplo, grandes empresas que fazem transações com o exterior.

O Banco Central é o responsável pela administração, fiscalização e controle das operações de câmbio.

Mercado monetário

Nesse mercado, ocorrem as operações de transferências de recursos no curtíssimo prazo, geralmente com prazo de um dia, como as realizadas entre as próprias instituições financeiras.

O mercado monetário tem como principal objetivo o controle da liquidez da economia, ou seja, se o volume de dinheiro estiver maior que o desejado pela política monetária – estabelecida pelo BC –, a autoridade monetária intervém no mercado vendendo títulos e retirando moeda do mercado.

Com isso, reduz-se a liquidez da economia.

Já o movimento contrário também é possível. Caso a quantidade de recursos esteja abaixo do necessário, o BC compra títulos e injeta moeda no mercado, restabelecendo a liquidez desejada.

Mercado de crédito

Trata-se do segmento no mercado financeiro em que as instituições financeiras captam recursos de investidores e os emprestam a pessoas físicas ou empresas.

Através disso, as instituições são remuneradas pela diferença entre o custo de captação e a taxa de juros cobrada dos tomadores.

Essa diferença é conhecida como spread. Em geral, são formalizados por contratos, e as instituições assumem o risco de crédito das operações.

Empréstimo pessoal, cheque especial e desconto de duplicatas são alguns dos exemplos de operações realizadas no mercado de crédito.

O BC também controla, fiscaliza e estabelece normas para este mercado.

Mercado de capitais

Para desenvolver projetos de crescimento do negócio, as empresas precisam de capital.

Logo, esse dinheiro pode ser obtido, por exemplo, por meio de captação no mercado de capitais.

Os recursos podem ser direcionados para investimentos como aquisição de outras empresas ou mesmo para alongar o prazo de suas dívidas.

E quem faz o “empréstimo” dos recursos às companhias são os investidores, que veem essa quantia se valorizar ao longo do tempo.

A Comissão de Valores Mobiliários (CVM) é o principal órgão responsável pelo controle, normatização e fiscalização deste mercado.

mercado financeiro

Conclusão

Definitivamente, quando um investidor entende como funciona o mercado financeiro, ele começará a identificar grandes oportunidades para ganhar dinheiro.

Por isso, use o mercado financeiro a seu favor. Estude mais e busque o conhecimento constantemente. Isso fará muita diferença para seus investimentos ao longo do tempo.

Bruno Sperandio
Bruno Sperandio Autor

Engenheiro por formação, com mais de 7 anos de experiência no mercado de investimentos, trabalha com produção de conteúdo informativo e educacional para o mercado imobiliário brasileiro.




Comentários