É possível ganhar dinheiro dormindo? (Parte II)

Hoje iremos dar continuidade a nossa argumentação sobre a possibilidade de um indivíduo conseguir ganhar dinheiro dormindo.

Se você não leu a Parte I do artigo acerca do tema, sugerimos que o faça.

Continuando, portanto... A profissão de um indivíduo pode fazer com que o mesmo se torne rico por um momento, seja ele um médico, um advogado, jogador de futebol ou um ator de Hollywood, mas para quase todas as profissões, a aposentadoria uma hora chega.

Então, é o que uma pessoa faz com o capital que acumula que irá torná-la rica e fazer com que ela ganhe dinheiro enquanto dorme ou enquanto desfruta de sua aposentadoria.

Não é o trabalho que irá sustentá-la.

Talvez seja duro encarar essa realidade, pois não é isso o que aprendemos na escola.

O que irá nos sustentar, lá na frente, são os recursos provenientes de onde nós investimos os capital que conquistamos com o nosso trabalho.

É importante destacar que não estamos, aqui, menosprezando o trabalho... pelo contrário: quanto melhor um indivíduo for remunerado, maior será a sua capacidade de poupar e investir. Portanto, o trabalho é extremamente importante e relevante na vida de qualquer ser humano.

Ainda, existem diversas vantagens de ganhar dinheiro dormindo, dentre elas:

Tranquilidade: Existe uma paz de espirito para aqueles que vivem de renda. Não existe a pressão de viver “da mão para a boca”. A maioria dos brasileiros já possui a renda do mês praticamente toda comprometida antes do mês começar. Quem vive de renda, ou tem uma renda extra de ativos geradores de renda, possui uma tranquilidade maior do que aqueles que precisam “matar um leão por dia”.

Plano B: Quem tem uma renda de dividendos pode ter tranquilidade de, se tudo der errado, poder contar com uma renda que substitui os ganhos de seu ofício.

Liberdade: Este é um recurso cada vez mais valorizado pela sociedade, sobretudo os mais jovens. Quem tem uma renda passiva, pode viver em qualquer lugar ou viajar mais.

Estas são apenas algumas das vantagens de se poder viver de renda.

No entanto, o que muitos não entendem é que o mercado de capitais é um dos principais instrumentos para se atingir a riqueza necessária para viver de dividendos.

Existem inúmeros casos famosos de pessoas comuns que conquistaram a independência financeira, como por exemplo, um ex-engraxate que ficou bilionário na Bolsa.

E o que eles têm em comum? Disciplina para poupar e investir sabiamente todos os meses.

Casos como esses devem servir de inspiração para que continuemos a nossa jornada, pois não tenha dúvidas de que os momentos de desânimo e de vontade de desistir de tudo irão surgir, pode ter certeza disso.

Portanto, repetindo... é somente isso que é necessário para prosperar como investidor: disciplina e paciência.

Conte conosco!

Rafael Campagnaro
Rafael Campagnaro Head de Conteúdo

Engenheiro por formação, trabalha com produção de conteúdo informativo e educacional para o mercado financeiro no FIIs.com.br desde que iniciou no universo das finanças.

Comentários