O BTG Pactual, gestora do FII BTG Pactual Agro Logística (BTAL11), comunicou na última segunda-feira (24) aos seus investidores os resultados do mês de dezembro. Também, a gestora comentou sobre os desafios do setor do agronegócio diante do aumento dos fretes.

A gestão comentou que o BTAL11 fechou o ano de 2021 com distribuição de rendimentos de R$ 0,83/cota, o que representa um dividend yield anualizado de 10,1% sobre a cota de mercado ao final do mês. Veja abaixo:

BTAL11 FIIs

Além disso, a gestora disse que o fundo possui um acumulando de R$ 0,09/cota de resultado não distribuído. 

Desta forma, com o patamar de dividendos dos últimos meses, o fundo reforça sua estratégia adotada ao longo do ano, com foco na distribuição consistente de resultados e foco em ativos de grande valor estratégico. Os rendimentos serão distribuídos no dia 26 de janeiro.

Neste aspecto, em um ano de eleições presidenciais e muita volatilidade no mercado, a gestora destacou que 100% dos rendimentos do BTAL11 são corrigidos pelo IPCA.

Mudanças na taxa dos fretes

A gestora comentou sobre a alta dos fretes que, em sua visão, reforça a necessidade de armazenagem no Brasil. 

Na verdade, o BTAL11 entende que a persistência da crise sanitária continua trazendo incertezas e desafios de curto e médio prazo que impactam os preços dos fretes em todo o mundo. 

Isso foi bastante sentido nos portos, com equipes de operação reduzidas (devido à contaminação do vírus), o que gerou cenários de stress com gargalos logísticos nas principais rotas de escoamento no país. 

Deste modo, o preço dos fretes marítimos subiu muito nos últimos dois anos, trazendo reflexos importantes ao agronegócio brasileiro, disse a gestora. 

Para reforçar seu argumento, a gestão citou um levantamento da Confederação Nacional da Indústria (CNI), que diz que o preço da rota de importação China-Brasil atingiu US$ 10 mil por contêiner de 6,09 metros em dezembro de 2021.

Isso representa um aumento de 62% em relação ao mesmo mês de 2020 e de 379% em relação a janeiro de 2020. Confira abaixo:

BTAL11

Por fim, a gestora destaca que o fundo trabalha justamente para reduzir esses gargalos no setor logístico ligado ao agronegócio. Isso é feito por meio de seus ativos em regiões de maior déficit de infraestrutura, localizados nos corredores de escoamento mais importantes do Brasil 

Conheça o BTAL11

O FII BTG Pacual Agro Logística é um fundo do tipo tijolo com foco no segmento logístico e industrial ligado ao agronegócio. Porém, o fundo tem investido tanto em imóveis quanto em outros ativos como CRIs, LCIs entre outros.

Desta forma, o FII BTG Pactual Logística possui patrimônio líquido de R$619 milhões e tem aproximadamente 14.718  cotistas. 

Para quem deseja investir no BTAL11, o valor patrimonial de sua cota é de R$103, sendo sua taxa de administração de 1,10%a.a. sobre patrimônio líquido ou valor de mercado do fundo se o fundo fizer parte de índice de mercado (IFIX).