Em tempos de crise, gestor do MGHT11 abre mão da taxa de gestão

Em tempos de crise, gestor do MGHT11 abre mão da taxa de gestão

O FII Mogno Hotéis (MGHT11) divulgou seu primeiro relatório ao mercado em meio a
uma severa crise no setor hoteleiro mundial causado pela pandemia do COVID-19.

Em novembro de 2019 – início do MGHT11 – o Mogno Capital Investimentos (gestor) realizou a compra dos CRIs emitidos pela Selina, que geram ao fundo, além dos juros, a divisão de 20% do lucro dos hotéis.

Selina é uma rede de hotéis que apresenta uma proposta inovadora ao mercado hoteleiro mundial. É uma mistura de hotel com espaço de coworking, lojas, restaurantes e espaços culturais.

Diante do cenário que vem impactando fortemente a indústria de hotéis e turismo, a Mogno está em contato constante e direto com o grupo Selina e sua diretoria para entender a solvência da companhia, o que tem deixando o MGHT11 bastante confiante na capacidade da Selina de honrar com seus pagamentos. De acordo com a companhia:

Além disso, é importante notar que o MGHT11 não participa do prejuízo dos hotéis e não os carrega para os anos subsequentes. Ou seja, independentemente do prejuízo que os hotéis apresentarem esse ano, no ano seguinte o fundo participará dos eventuais lucros.

MGHT11 – Alocações e investimentos

Quanto a compra dos hotéis que estavam no pipeline do MGHT11, a Mogno disse que o período de diligência se tornou mais longo do que o esperado e, com os recentes acontecimentos, optou por parar os processos de sua principal compra.

Além disso, devido a demora para a compra dos hotéis graças à extensa diligência sendo realizada e ao período de carência dos CRIs, a Mogno optou por abrir mão da taxa de gestão até que a alocação do fundo complete 75%.

O MGHT11 está com 47% de seus recursos alocados.

mght11

O futuro do MGHT11

Quanto ao futuro do fundo, a Mogno frisou que parte da tese da Selina e do MGHT11 é
realizar a compra de ativos mal operados, que estejam apresentando prejuízo, mas que
sejam bem localizados e aptos a operarem com a bandeira Selina.

Assim, como buscamos uma alocação muito eficiente do caixa, é possível que em momentos de estresse, oportunidades interessantes possam aparecer e buscaremos aproveitá-las da melhor forma possível.

Continuamos muito otimistas com a tese da Selina no médio e longo prazo e acreditamos
na sua expansão pelo Brasil, apesar apesar dos recentes desdobramentos que o coronavírus tem causado ao redor do mundo.

Reiteramos nossa preocupação com a saúde e o bem estar de nossos sócios, colaboradores, clientes, parceiros e suas famílias e gostaríamos de reforçar que entendemos a responsabilidade que é gerir recursos de terceiros (juntamente com o nosso). Por isso, estamos fazendo nosso melhor para cuidar de nossas pessoas com o mínimo de impacto em nosso trabalho.

Equipe imobiliária Mogno Capital.

últimas notícias