Você investidor de fundos imobiliários, sabe qual a função do indicador dividend yield nos fiis?

É preciso estar bastante atento a alguns fatores financeiros na hora de investir. Neste artigo, vamos mostrar em especial o dividend yield dos fiis, um indicador que tem muita relevância nos investimentos imobiliários.

Para os investidores que optam por montar uma carteira de investimentos imobiliários dando destaque aos dividendos, conhecer e entender o dividend yield dos fiis é mais que necessário. O Dividend Yield (Rendimento de Dividendo), é um indicador que mede a performance de um investimento de acordo com os proventos pagos aos seus cotistas. Ele mostra a relação entre os dividendos distribuídos e o preço atual da cota.

Rentabilidade do dividend yield nos fundos imobiliários

dividend yield fiis

A respeito de sua rentabilidade, não é simples de se afirmar qual o rendimento exato dos fundos imobiliários.

No entanto, podemos dizer que dependerá, principalmente, do fundo imobiliário analisado e também do período avaliado.

Sendo assim, para quem busca uma resposta mais direta e simplificada sobre a rentabilidade que os fundos imobiliários entregam hoje, podemos encontrar fundos que entregam dividendos mensais na faixa de 0,40% ao mês, até fundos que entregam retornos de cerca de 0,90%.

Porém, os fundos de investimento imobiliário possuem riscos mais elevados e perfis diferentes.

Agora falando das métricas de um dividend yield, elas podem se modificar radicalmente de fundo para fundo.

Isso por conta de fatores como vacância, inadimplências, ou, principalmente, por conta da variação de preços das cotas desses ativos.

Já em um cenário como o atual, onde os juros terminaram o ciclo de baixa, é comum que os FIIs se valorizem bastante.

O que prejudica grandemente os seus dividend yield, já que essa métrica considera o dividendo pago em relação à cotação.

É importante lembrar também que a rentabilidade de um fundo imobiliário deve ser considerada de uma forma geral, considerando:

  • Dividendos recebidos
  • Valorização das cotas

Com isso, apesar de um fundo imobiliário entregar um dividend yield baixo, conforme seus dividendos aumentem no longo prazo, e conforme as cotações se valorizem, o retorno do investidor vai se elevando.

Entenda a rentabilidade de um fundo imobiliário

dividend yield fiis

Talvez a primeira pergunta que todo investidor se faz ao analisar um investimento, é a rentabilidade deste investimento.

Nos Fiis há basicamente duas formas de ganhos:

  1. Distribuição de rendimentos
  2. Valorização da cota

Pela regulamentação dos fundos imobiliários, há a obrigatoriedade de distribuição, na forma de rendimentos, de no mínimo 95% dos lucros auferidos a cada semestre, com base no balanço semestral do FII.

Entretanto, a maioria dos Fiis preferem distribuir os rendimentos mensalmente.

No relatório de cada FII, na seção dividendos, o investidor encontra o histórico de dividendos distribuído nos últimos meses.

Outro conceito muito importante relacionado a rentabilidade de um fundo imobiliário é o indicador dividend yield.

Este indicador calcula o retorno que um investidor terá, em forma de rendimentos, comprando cotas de um determinado FII.

Para completar a análise de rentabilidade dos fiis, também é preciso levar em consideração a valorização da cota do FII no mês.

E para calcular essa valorização se usa a seguinte fórmula:

Valorização = (Preço Final - Preço Inicial)/Preço Inicial

Por fim, para o cálculo da rentabilidade no Mês, basta apenas somar os valores de dividend yield e valorização da cota.

Mas fique tranquilo, você não vai precisar ficar fazendo contas e cálculos para descobrir o dividend yield dos fiis. Todos estes dados e outros mais estão disponíveis para você no Funds Explorer. Bons investimentos!

Marcos Baroni
Marcos Baroni Especialista em FIIs (Suno Research)

Marcos Baroni é especialista em Fundos Imobiliários. Professor há 20 anos em cursos de Graduação e MBA nas áreas de Gestão de Projetos e Processos.

Comentários