Mercado de Fundos Imobiliários – Aprenda como investir

Um investimento que oferece muitas vantagens e que vêm ganhando cada vez mais força e popularidade no Brasil é o mercado de fundos imobiliários.

Mas fique tranquilo. Se você ainda não sabe como investir no mercado de fundos imobiliários, leia este artigo e entenda os principais conceitos deste investimento.

O mercado de fundos imobiliários é a modalidade de investimento que mais cresce no Brasil. Sua variedade de vantagens e benefícios tem atraído muitos investidores. Além disso, esse investimento traz oportunidades desde o pequeno até o grande investidor.

Como investir no mercado de fundos imobiliários

mercado de fundos imobiliários

A forma mais fácil de se investir no mercado imobiliário, é através dos fundos de investimento imobiliário.

Nessa aplicação, o investidor, com menos de 10 reais já pode começar a investir.

Além disso, esse investimento conta com uma gestão profissional e qualificada onde fazem todo controle do seu patrimônio.

E tem mais, você fazendo o investimento, no mês seguinte à sua aplicação, já recebe os proventos referente a sua participação.

Para isso, basta comprar cotas desses FIIs através da bolsa de valores.

É muito simples e pode ser feito por qualquer investidor que tenha conta em uma das corretoras de valores disponíveis no mercado.

Aliás, para facilitar ainda mais, o investidor pode utilizar o home broker, uma ferramenta disponibilizada pela corretora para efetuar a compra das cotas. A “cota” representa uma fração do valor integral do fundo.

Mercado de fundos imobiliários – Veja 4 vantagens desse investimento

mercado de fundos imobiliários

#1 São isentos de Imposto de Renda

Diferentemente dos aluguéis recebidos por imóveis físicos, os rendimentos de um investimento em FIIs são isentos de imposto de renda.

Entretanto, para que isso ocorra, o investidor não pode ter uma participação maior que 10% em determinado fundo e o mesmo deve compor, no mínimo, 50 cotistas.

Porém, no caso da venda das cotas, deverá ser pago 20% de imposto de renda sobre o ganho investido.

#2 Podem ser usados para diversificação de carteira

Investir em FIIs pode ser uma boa alternativa para o investidor que deseja equilibrar sua carteira de investimentos e, assim, reduzir seus riscos e proteger seu patrimônio.

#3 Uma excelente forma de investir em imóveis sem precisar comprar um

Comprar uma cota de um fundo imobiliário é muito mais fácil e barato do que comprar ou vender um imóvel físico.

Um fato importante é que, nos FIIs, se necessário, é possível vender apenas uma parte das cotas e não tudo, o que não seria possível no caso da venda de um imóvel físico.

#4 Rendem dividendos recorrentes

Os fundos imobiliários são obrigados a distribuir no mínimo 95% de seus resultados entre seus cotistas de forma regular.

Com isso, a maioria dos FIIs pagam dividendos mensalmente.

Mercado de fundos imobiliários – Considerações

Definitivamente, os fundos imobiliários trazem muitas vantagens e benefícios para o investidor.

Entretanto, lembre-se que antes de investir, é necessário comparar e analisar os FIIs, levando sempre em consideração o seu perfil e objetivos.

Por fim, uma dica para se dar bem no mercado de fundos imobiliários é ler os documentos que falam de suas características, que são os relatórios, prospecto e regulamento do fundo.

Bruno Sperandio
Bruno Sperandio Desenvolvedor de conteúdos

Formado em Engenharia de Produção pela FAACZ, com experiência de mais de 5 anos no mercado financeiro do Brasil. Investidor e desenvolvedor de conteúdos sobre o mercado imobiliário, economia e investimentos.

Comentários