Renda Imobiliária: saiba como ganhar dinheiro com imóveis

A renda imobiliária passou a ser um dos conceitos mais utilizados pelos brasileiros do ponto de vista de investimentos. Historicamente, o país passou a adotar uma cultura de investir em imóveis, sobretudo por conta da hiperinflação que se observou em certos períodos no Brasil.

Os imóveis trazem a possibilidade do investidor se proteger da inflação e, por conta disso, podem representar uma boa oportunidade de investimento em muitos casos. Mas a expansão desse setor permitiu que a renda imobiliária pudesse ir muito além do investimento em ativos físicos, gerando ao investidor novas possibilidades.

Entender o que é renda imobiliária e quais são as diferentes formas de ganhar dinheiro com imóveis permite aos brasileiros gerar oportunidades de construir renda passiva, ou até mesmo lucrar muito mais com esse segmento.

O que é renda imobiliária?

Renda imobiliária é todo ganho financeiro que pode ser obtido através de propriedades imobiliárias, seja de forma direta ou indiretamente em imóveis. 

Atualmente, as possibilidades de lucrar com o setor se demostram bastante variadas.  Vão desde a aquisição de um imóvel e a geração de lucro com sua posterior venda por um preço maior, até o investimento em ativos que permitem uma exposição indireta a eles, como os fundos de investimento imobiliário, por exemplo.

Além disso, a renda imobiliária pode ser alcançada através da exploração de propriedades e o recebimento de aluguéis dos inquilinos. Os próprios fundos imobiliários trazem essa forma de rendimento, já que os FIIs podem investir em imóveis e repartir seus lucros obtidos com aluguel entre seus cotistas.

No caso da compra de imóveis físicos, por exemplo, é possível observar que existem fatores que diminuem a eficiência na obtenção da renda imobiliária, já que envolvem custos adicionais em relação aos FIIs, como:

  • Imposto de Transmissão de Bens Imóveis (ITBI);
  • Pagamento de escritura de imóvel no cartório de notas;
  • Custos com registro de imóvel em cartório imobiliário;
  • Imposto de renda (IR) sobre os ganhos com aluguel e no lucro obtido na alienação de imóvel.

Seja qual for a forma escolhida para gerar rendimento imobiliário, é essencial que o investidor tenha conhecimento das opções e características dos diferentes formatos, aproveitando-se do que cada um deles oferece de melhor do ponto de vista financeiro, ou que estejam mais adequados aos seus objetivos pessoais.

Como posso ter renda imobiliária?

Existem diferentes formas de como obter renda imobiliária, com exposição em diferentes tipos de imóveis que podem ser investidos atualmente, como:

  • Galpões logísticos;
  • Lajes corporativas;
  • Casas e apartamentos;
  • Shoppings;
  • Cemitérios;
  • Hospitais;
  • Hotéis.

Os tipos de rendas imobiliárias podem ser categorizados em 4 divisões principais: lucro com a compra e venda de imóveis, ganho com aluguel, investimento em fundos imobiliários e REITs. Conheça cada uma das opções abaixo:

Renda imobiliária com a negociação de imóveis físicos

A renda com imóveis físicos pode ser obtida comprando o ativo e vendendo ele mais caro posteriormente. O intuito desse investimento não é ter rendimentos mensais ou periódicos, mas ter lucro com a valorização da propriedade.

A renda de imóveis, nesse caso, é alcançada de uma só vez quando o proprietário vende o imóvel a algum comprador de interesse. O lucro com essa operação precisa levar em conta a diferença de preço na aquisição e na alienação do ativo, descontando os custos e despesas que se teve durante o processo.

Não é qualquer investidor que consegue viver de renda de imóveis dessa forma, já que depende de uma estratégia que facilite a alienação rápida desses ativos, como a construção de uma rede de relacionamento e a habilidade de fazer bons negócios. 

Nesse caso, ainda é possível expandir ou trazer melhorias para a construção da propriedade para conseguir uma boa valorização do imóvel.

Rendimento de aluguel

O recebimento de aluguel é uma das formas mais conhecidas para conseguir ter uma renda imobiliária. O investidor compra um imóvel para ter inquilinos que paguem mensalmente para utilizar o espaço do ativo.

Essa renda imobiliária é mais associada a casas e apartamentos residenciais, assim como lajes corporativas e imóveis com atividades de comércio. Apesar de poder ser uma boa alternativa, essa modalidade também apresenta seus riscos, como o de vacância, por exemplo, o que poderia comprometer o rendimento por meses ou até anos.

Rendimentos de fundos imobiliários

O investimento em fundos imobiliários é uma das alternativas mais inclusivas para se ter uma renda imobiliária. Isso porque as cotas apresentam baixos preços se comparados aos valores necessários para se adquirir um imóvel físico diretamente.

Os rendimentos de fundos imobiliários podem ser alcançados tanto na obtenção de uma renda mensal na forma de dividendos, como na compra e venda das cotas com o objetivo de lucro especulativo. Assim como acontece nos imóveis, a cota de um fundo imobiliário pode ter uma boa valorização no longo prazo.

Um fundo imobiliário funciona da seguinte forma: investidores reúnem recursos com o mesmo intuito de investir no setor de imóveis em determinados tipos. Um gestor especializado vai utilizar esse dinheiro para realizar esses investimentos visando obter ganhos ao FII. Quando esses lucros são auferidos pelos fundos, eles distribuem a maior parte para seus cotistas, na forma de rendimento de FIIs.

Rendimento com REITs

Os REITs representam um formato semelhante ao de fundos imobiliários. Mas nesse caso, obtem-se a renda imobiliária com recursos do exterior, mais especificamente dos Estados Unidos.

O “Real Estate Investment Trust” (REIT) traz a vantagem de ter rendimentos imobiliários com diversificação geográfica. Sobretudo, estando exposto a maior economia do mundo, trazendo ainda proteção cambial em dólar e uma maior previsibilidade em seus investimentos.

Investir em REITs nos EUA pode trazer ao investidor a vantagem de se expor em segmentos que no Brasil não são tão comuns, como de torres de transmissão de dados e até mesmo abrigos de idosos, por exemplo.

Mas afinal, entre as principais formas de ter renda imobiliária no Brasil, qual delas é mais vantajosa: imóveis os fundos imobiliários?

FII ou imóvel?

Renda Imobiliária: saiba como ganhar dinheiro com imóveis

Do ponto de vista estritamente financeiro, os FIIs tem grandes vantagens em relação aos imóveis, como:

  • Ter renda imobiliária investindo pouco: enquanto os imóveis podem ter custos bastante elevados, com apenas R$ 100 já é possível começar a investir em fundos imobiliários;
  • Diversificação: com o mesmo dinheiro que o investidor usaria para comprar a totalidade de um imóvel físico, ele pode construir uma carteira de FIIs exposta a diferentes setores, diluindo os riscos de seu portfólio;
  • Melhores dividendos mensais: os principais fundos imobiliários costumam pagar mensalmente rendimentos aos seus cotistas, que muitas vezes acabam sendo proporcionalmente superiores em relação ao dinheiro investido em imóveis. 
  • Rendimentos isentos de IR: os proventos dos FIIs são isentos de imposto de renda, enquanto os aluguéis de imóveis são tributados.
  • Liquidez: as cotas dos principais fundos imobiliários podem ser facilmente compradas e vendidas na bolsa de valores brasileira (B3), enquanto os imóveis podem demorar meses ou até anos para serem vendidos.
  • Custos e comodidade: problemas estruturais que eventualmente surgem nos imóveis físicos podem gerar ao proprietário despesas adicionais. Enquanto nos FIIs, o investidor não precisa se preocupar com isso, já que é algo de responsabilidade da gestora.

A compra de imóveis físicos pode ser uma alternativa melhor se o interessado tiver objetivos pessoais com o ativo, ou se precisa se estabelecer naquele local por um período grande de tempo. Vale ressaltar que as vantagens do FIIs descritas levam em conta fatores meramente financeiros para ter uma boa renda imobiliária.

Foi possível compreender o que é renda imobiliária e quais são as diferenças formas de ganhar dinheiro com imóveis? Deixe nos comentários suas dúvidas e sugestões.

 

Rafael Campagnaro
Rafael Campagnaro Autor

Engenheiro por formação, trabalha com produção de conteúdo informativo e educacional para o mercado financeiro no FIIs.com.br desde que iniciou no universo das finanças.


Comentários