A administradora de fundos Vortx DTVM Ltda. e a gestora BlueMacaw Gestora de Recursos Ltda. do fundo imobiliário BlueMacaw Logística (BLMG11) comunicou ao mercado e aos cotistas nesta segunda-feira (31), através de fato relevante, a aquisição de um galpão logístico.

Esse galpão adquirido pelo BLMG11 se localiza na cidade de Extrema, Estado de Minas Gerais, na Estrada Municipal Luiz Lopes Neto, nº 617, Bairro dos Tenentes. O imóvel se encontra locado para empresa do grupo Dafiti, GFG Comércio Digital Ltda. Nesse caso, foi realizado um contrato atípico “Built-to-Suit” com vencimento em 2030.

Do mesmo modo que o valor total desta operação do BlueMacaw Logística (BLMG11) foi de R$ 272 milhões. Desse total, R$ 191,28 serão pagos à vista, através de uma operação de securitização. Além disso, os outros cerca de R$ 81,42 milhões serão pagos após a conclusão das obras de expansão do imóvel. A previsão de entrega dessas obras é em 29 de outubro 2021.

O BlueMacaw Logística espera que esta aquisição do imóvel gere impacto positivo na renda mensal do BLMG11 de R$ 0,05 por cota por mês. Assim, está se levando em conta o percentual dos recursos já investidos pós follow-on. Também se considera que o dividendo mensal por cota do fundo estimado seja de R$ 0,73. Esse valor está acima do estimado na oferta da 2ª emissão do fundo.

Características do imóvel adquirido pelo BLMG11

O galpão logístico que o BLMG11 comprou tem classe AAA e se localiza em Extrema. Ele está 100% locado em contrato atípico para a Dafiti, que é uma empresa líder no varejo de moda online na América Latina.

BLMG11 anuncia compra de galpão logístico em Minas Gerais

A fase 1 do imóvel tem cerca de 54 km² de Área Bruta Locável (ABL) e 23 km² na fase 2 de ABL. O local representa, segundo o BlueMacaw Logística, o “maior e mais inovador centro de distribuição de moda online na América Latina, contando com a maior solução AutoStore do mundo”.

O BLMG11 ainda ressalta que a “Eficiência de espaço com alta densidade de armazenamento e baixo consumo energético, resultando em cerca de 4x mais itens produzidos por hora”. O imóvel possui mais de 70 docas onde passam mais de 100 caminhões por dia.

Além disso, o local tem mais de 450 mil caixas de armazenagem e mais de 4 mil itens separados por hora na automação. Outras características destacadas pelo BLMG11 sobre o imóvel são:

  • Modularização flexível;
  • Cross-docking;
  • Sistema de sprinklers;
  • Estacionamento para carros e carretas;
  • Iluminação LED e uso de luz natural;
  • Estação própria para tratamento de esgoto;
  • Horta orgânica para alimentação dos funcionários;
  • Área de refeitório e suporte aos motoristas.

Após a compra, o portfólio do BLMG11 tem, segundo o fundo, uma “alta qualidade e forte posicionamento, com grande percentual de contratos atípicos e aluguéis abaixo de mercado”. Os contratos atípicos do fundo são 87% do total e o dividendo por cota fica esperado é de R$ 0,73.