O fundo imobiliário Cyrela Crédito (CYCR11) está na sua terceira emissão de cotas, com o objetivo de captar R$200 milhões. O fundo, que possui 258 cotistas e 639.139, quer aumentar sua base de investidores na bolsa de valores (B3), tornando-se FII com maior dividend yield entre os FIIs de papel

O portfólio do CYCR11 é composto por operações de CRIs majoritariamente indexados ao IPCA. A gestora afirma que esses ativos possem sólidas garantias, das quais a maioria é localizada na região sudeste e baseadas em ativos residenciais. 

A primeira emissão de cotas do fundo aconteceu em agosto de 2021. Nesses últimos 6 meses, o CYCR11 alcançou uma média de R$1,34/cota de rendimentos, o equivalente a um dividend yield anualizado de 17,32%. 

No início de 2022, o CYCR11 chegou a sua segunda captação, o que proporcionou a distribuição de R$ 1,35/cota, em abril/2022. Mas o Cyrela Crédito quer mais.

Como será a terceira emissão do fundo?

A gestora do CYCR11 disse que o fundo busca ter seu dividend yield superior a fundos de recebíveis “no médio longo prazo, devido à alocação de até 33% do capital em ativos de desenvolvimento seja co-incorporação, equity preferencial ou permuta financeira”. Por esse motivo, uma nova emissão pública poderá ajudar o fundo a alcançar seus objetivos. 

Conforme dito, a oferta tem como finalidade captação de R$200 milhões por meio da emissão de novas cotas. O período de preferência para os cotistas do CYCR11 se encerra no dia 26 de maio, enquanto para do público geral termina em 31 de maio. 

O preço da subscrição é de R$100,00 por cota, sendo 10 cotas - ou R$10 mil - o valor mínimo de aplicação. A gestora já definiu o pipeline da oferta, escolhendo os ativos a serem investidos com os recursos da captação. Confira abaixo a composição da carteira esperada pelo fundo:

CYCR11

Conheça o CYCR11

O Cyrela Crédito FII conta com a gestão da cy.capital. O objetivo do fundo é auferir ganhos pela aplicação de seus recursos em ativos financeiros com lastro imobiliário, tais como CRI Debênture, LCI, LH e cotas de FIIs e ativos imobiliários como projetos imobiliários residenciais e imóveis comerciais. 

O fundo possui patrimônio líquido de R$61 milhões, além de 639.139 de cotas emitidas. Para quem deseja investir no CYCR11, o valor patrimonial de sua cota é de R$96,12, sendo sua taxa de administração e gestão de 0,95 a 1,05%a.a do patrimônio líquido.