A administradora de fundos BTG Pactual Serviços Financeiros S.A. DTVM e a gestora VBI Real Estate Gestão de Carteiras Ltda., do fundo imobiliário VBI Prime Properties (PVBI11) comunicou ao mercado, através de fato relevante, o recebimento do aluguel de outubro de 2021 pela Johnson & Johnson do Brasil Indústria & Comércio de Produtos para Saúde Ltda.

Esse anúncio do PVBI11 vem em complemento ao fato relevante divulgado ao mercado, em que o fundo havia informado o não recebimento do aluguel da mesma empresa até aquele momento. A Johnson & Johnson do Brasil Indústria & Comércio de Produtos para Saúde Ltda., é uma sociedade com sede na cidade de São Paulo, Estado de São Paulo, na Rua Gerivatiba, 207, 12º ao 15º andares, Butantã.

O PVBI11 é proprietário de 20% da fração ideal do imóvel que se localiza na Avenida Presidente Juscelino Kubitschek, nº 2041, na Cidade de São Paulo, Estado de São

Paulo. É um imóvel que consiste em uma torre de escritórios comerciais, chamada de Torre B JK, que faz parte do condomínio edifício chamado “Complexo JK”.

O aluguel em questão foi cedido à RB SEC Companhia de Securitização para emissão de cédulas de crédito imobiliário (CRI), assim como ocorreu no contrato de cessão firmado no dia 30 de junho de 2021.

O PVBI11 vai realizar uma distribuição adicional de rendimentos aos cotistas de R$ 0,02 por cota. Esse valor vem somado à distribuição já anunciada no dia 30 de novembro de R$ 0,54 por cota, valor este que foi distribuído aos cotistas que detinham posição no dia 30 de novembro 2021 e R$ 0,02 por cota serão distribuídos aos cotistas com posições no dia 2 de dezembro de 2021.

Saiba mais sobre o VBI Prime Properties

O FII VBI Prime Properties é um fundo imobiliário do tipo tijolo. Ele tem por objetivo rentabilizar no mínimo dois terços do seu patrimônio líquido de forma direta em imóveis do segmento corporativo ou comercial, cotas de FIIs e cotas de Fundos de Investimento em Participações.

Segundo seu último relatório gerencial publicado, o PVBI11 possui patrimônio líquido de R$ 999,9 milhões e tem cerca de 54.672 cotistas. O valor patrimonial de sua cota terminou o mês de outubro em R$ 99,59. Além disso, o valor de mercado do fundo acabou o mês em R$ 883,4 milhões.

O valor de mercado da cota alcançou os R$ 87,99, enquanto o volume médio diário negociado no mês atingiu os R$ 2,5 milhões. O último dividendo por cota do fundo foi de R$ 0,56, e o dividend yield anualizado foi de 6,7%. A performance da cota na B3 nos últimos períodos pode ser vista através do gráfico:

PVBI11 comunica pagamento de aluguel mensal da Johnson & Johnson

Em suma, o portfólio do PVBI11 terminou o mês de outubro com 93,6% com alocação em imóveis. Enquanto isso, 2,2% do patrimônio líquido do fundo ocorreu em FIIs. Esse percentual alocado em caixa é de 4,1% e o montante em caixa é de R$ 44,7 milhões.