A gestora do FII REC Recebíveis Imobiliários (RECR11), detalhou em relatório gerencial divulgado na última quinta-feira (8), os resultados do fundo referente ao mês de junho. Além disso, a Real Estate Capital detalhou sobre a movimentação da carteira de investimentos do fundo. 

O fundo divulgou que distribuirá o montante de R$ 20.027.692. Desta forma, os cotistas anteriores à 10ª emissão de cotas receberão o rendimento por cota, equivalente a R$ 1,20. Os cotistas que exerceram o direito de preferência receberão R$ 0,89 por nova cota e, por fim, os cotistas que participaram do direito de sobras e montante adicional receberão R$ 0,3033 por nova cota. 

Na tabela abaixo, a gestão detalhou os resultado em comparação com os meses anteriores:

RECR11

Desta maneira, a Real Estate Capital demonstrou que, no acumulado dos últimos 12 meses, a distribuição de rendimentos do fundo corresponde a 14,1% a.a., ou o equivalente a 620% do CDI. 

O Fundo encerrou o mês com 81,1% de seus recursos alocados em CRIs, distribuídos em 73 operações. 

Alocação dos ativos 

Ao final do mês de junho de 2021, a gestão informou que 81,1% dos ativos da carteira do RECR11 estavam investidos em CRIs

Desta forma, ao longo do mês junho, com base nas recomendações do consultor de investimentos, o RECR11 diversas operações no mercado de CRIs. Segue abaixo as principais: 

  • CRI VIC 2: volume total adquirido corresponde a R$ 15.000.000. A taxa de aquisição do CRI corresponde a IPCA + 8,00% ao ano. 
  • CRI Embraed: adquirido a R$ 45.000.000 com taxa de aquisição do CRI corresponde IPCA + 7,00% ao ano. 
  • CRI Econ por R$ 39.999.484, com taxa de aquisição do corresponde a CDI + 2,75% ao ano. 
  • CRI Ponta de Inhambupe: total adquirido corresponde a R$ 17.000.000, com a taxa de aquisição do CRI corresponde a IPCA + 10,00% ao ano. 
  • CRI Sênior CrediHome 2: comprado  a R$ 2.909.190, com taxa de aquisição do CRI corresponde a IPCA + 6,00% ao ano. 
  • CRI Mezanino CrediHome 2: adquirido a R$ 596.010, taxa de aquisição do CRI corresponde a IPCA + 13,00% ao ano.  

Sobre a 10ª emissão de cotas 

Foi encerrada a oferta pública de distribuição primária de cotas da 10ª emissão do fundo, distribuída com esforços restritos de colocação e com preço de emissão de R$ 98,00 por nova cota. 

A gestão informou que foram subscritas e integralizadas 5.142.858 novas cotas, arrecadando o montante total de R$ 504.000.084. 

Conheça o RECR11

O FII REC Recebíveis Imobiliários é um fundo imobiliário do tipo papel com foco na gestão ativa de ativos de renda fixa com preponderância em Certificados de Recebíveis Imobiliários (CRIs)

Além disso, o fundo possui patrimônio líquido de R$1,855 bilhão e tem aproximadamente  19.379.213 de cotas emitidas. 

Para quem deseja investir no RECR11, o valor patrimonial de sua cota é de R$95,78, sendo sua taxa de administração 0,20% a.a.