A gestão do Valora RE III Fundo de Investimento Imobiliário (VGIR11), detalhou em seu Relatório Gerencial divulgado na última quinta-feira (18), os resultados do mês de julho. Além disso, a Valora Gestão aproveitou para apresentar a movimentação de sua carteira de CRIs

Referente ao mês de julho, o fundo distribuiu R$ 0,65 por cota como rendimento. O pagamento ocorreu no dia 13 de agosto de 2021. Confira abaixo:

VGIR11

Além disso, o VGIR11 conta com uma reserva de caixa equivalente a R$ 0,05 por cota para eventuais despesas e taxa de performance. 

No ano, o VGIR11 acumulou uma distribuição de dividendos de R$3,70. De acordo com a Valora Gestão, esse valor equivale a uma rentabilidade líquida de CDI + 3,9% ao ano sobre a cota patrimonial. 

No gráfico abaixo, é possível analisar o histórico de distribuição do fundo, confira:

VGIR11

Em relação aos investimentos, todo o patrimônio líquido do fundo está alocado em CRI, distribuídos em 40 diferentes operações. O total investido foi de R$443,5 milhões. Neste caso, o restante do capital está alocado em renda fixa (instrumentos de caixa). 

Os investimentos do fundo 

Ao longo do mês de julho, a Gestão seguiu com alguns movimentos de reciclagem da carteira. 

Desta forma, a Valora Gestão destacou que o VGIR11 “recebeu amortizações de R$10,6 milhões ao longo do mês, e o CRI BR Properties com cupom de CDI + 0,7% ao ano no valor de R$4,5 milhões foi quitado antecipadamente”. 

Como complemento, o fundo vendeu o total de R$15,2 milhões em CRI com compromisso de recompra em 6 meses. Foram vendidos também, de forma definitiva, R$1,6 milhões em posições de outros CRI.  

O resultado dessas vendas foi o investimento em outros ativos, com aquisição de R$20 milhões do CRI Tecnisa 397S com remuneração de IPCA + 7% ao ano, além de um prêmio adicional no primeiro mês (ver mais detalhes em Detalhamento dos Ativos). 

Consequentemente, o fundo também realizou outras operações de compra. Confira:

  • R$1 milhão no CRI RFM Trancoso com remuneração de CDI + 6,0% ao ano; 
  • R$500 mil no CRI RV Ipiranga com remuneração de CDI + 6,0% ao ano; 
  • R$470 mil no CRI Delfim Moreira 22S 
  • R$470 mil no CRI Delfim Moreira 23S, ambos com remuneração de CDI + 3,5% ao ano. 

Por fim, a gestão reforçou que todos os CRI da carteira encontram-se adimplentes, sendo o portfólio do fundo considerado saudável pela equipe gestora. 

Conheça o VGIR11

O Valora RE III Fundo de Investimento Imobiliário (VGIR11) é um fundo do tipo papel, com o foco na compra de CRIs. 

O fundo possui patrimônio líquido de R$436 milhões e tem 4.506.414 cotas emitidas.

Para quem deseja investir no VGIR11, o valor patrimonial de sua cota é de R$96,91, sendo sua taxa de administração de 0,20% ao ano sobre o patrimônio líquido do fundo.