Corretora de valores - Um meio seguro de investir em Fundos Imobiliários

Muito provavelmente, uma corretora de valores pode ser o melhor caminho para um investidor que deseja obter maiores retornos em suas aplicações.

Falo isso porque, uma corretora de valores não oferece empréstimos, financiamentos e cartões de créditos. Ela apresenta opções de investimentos, que leva o investidor ao único intuito de fazer suas aplicações.

Essas instituições são empresas que pertencem ao Sistema Financeiro Nacional, intermediando a compra e venda de valores mobiliários, como títulos do governo e ações, por exemplo. Para que se forme e funcione uma corretora de valores, é necessário autorização do Banco Central do Brasil e da Comissão de Valores Mobiliários (CVM).

O principal papel de uma corretora é atuar como intermediária na compra e venda de ativos financeiros. Elas são as instituições autorizadas a atuar como uma ponte de ligação entre os investidores e a Bolsa de Valores.

Como funciona uma corretora de valores

Basicamente, uma corretora de investimentos funciona como um mercado de aplicações e para ter acesso a seus diversos tipos de investimentos você precisa abrir uma conta.

Se você desejar abrir uma conta, o processo é bem simples, poucos minutos já são suficientes para concluir essa etapa.

Feito isso, o próximo passo será escolher os investimentos em que deseja aplicar.

Esse processo, normalmente, é online. Portanto, você não precisa ir presencialmente na corretora. Bastar fazer todo processo do conforto de sua casa ou de qualquer lugar que estiver.

Nesses investimentos, contudo, é necessário atenção no momento de escolher a instituição para aplicar seu dinheiro.

Priorizar uma empresa confiável, que ofereça um bom atendimento, e que seja eficiente para solucionar seus problemas e dúvidas, é muito importante.

Também é essencial entender que, se você enviar seus recursos para a corretora e não o aplicar em algum investimento, ele ainda não estará investido.

Pois, como são muitas opções de investimento disponíveis, o dinheiro não será aplicado automaticamente.

Você é quem deve definir as aplicações - juntamente com um assessor, se desejar - que são mais interessantes e de acordo com seu perfil.

Por isso, antes de qualquer decisão, é bastante importante conhecer as opções de investimentos oferecidas e escolher aquelas que mais se encaixam em seu planejamento e objetivos.

Corretoras de Valores – Três passos para escolher as melhores

Neste momento, é importante que o investidor procure conhecer as corretoras de investimentos e saiba escolher as melhores, pois, não é em qualquer lugar que vamos colocar nosso dinheiro não é mesmo.

E é nesse sentido que vamos definir 3 passos essenciais para analisar e verificar, antes de escolher uma instituição financeira.

1 – Regularização

Esse é o primeiro passo, verificar para saber se é uma instituição confiável. Para isso, veja os três indicadores básicos para essa análise.

  • Cadastro na CVM Comissão de Valores Mobiliários
  • Cadastro no (Cetip) Centro de Custódia e de Liquidação Financeira de Títulos
  • Certificado PQO da B3

2 – As taxas

O segundo passo para escolher a sua corretora é verificar quais são as taxas cobradas.

Atualmente as corretoras estão cobrando poucas taxas, e algumas até com taxa 0 para determinados tipos de investimentos. Mas, entretanto, veja um exemplo das que podem ser cobradas.

  • A taxa de custódia
  • A taxa de corretagem
  • A taxa de administração

3 – Benefícios

Para escolher as melhores corretoras do Brasil, é preciso entender os benefícios por elas oferecidos.

Uma dica é verificar a qualidade no atendimento ao cliente, em um primeiro momento.

Em adição, para uma corretora se posicionar como bem qualificada, é importantíssimo ter a clareza e a simplicidade na transparência das apresentações de suas informações.

E quanto mais transparente a corretora for, melhor para o investidor.

Definitivamente, as corretoras de valores têm um seu diferencial quando comparadas aos bancos comercias.

Seu modelo de consultoria e assessoria é muito mais voltado aos tipos de investimentos para o investidor. Sem contar também com os benefícios e os retornos que são, em sua maioria, bem mais atraentes. Portanto, para concluir, tire um tempo, conheça as características de uma corretora de valores, escolha a mais adequada a seu perfil e faça bons investimentos.

Rafael Campagnaro
Rafael Campagnaro Head de Conteúdo

Engenheiro por formação, trabalha com produção de conteúdo informativo e educacional para o mercado financeiro no FIIs.com.br desde que iniciou no universo das finanças.

Comentários