O que é rentabilidade – 3 tipos que existem nos investimentos

Saber o que é rentabilidade e conseguir obtê-la de forma segura e crescente nos investimentos é algo que pode ser muito relevante para o investidor.

No entanto, muitos querem grandes rendimentos em seus investimentos, mas não sabem o que é rentabilidade e como encontrar a melhor para sua carteira.

Mas afinal, o que é rentabilidade? Essa é uma pergunta que todo investidor precisa saber. A rentabilidade pode ser facilmente definida como o percentual de remuneração do dinheiro aplicado, ou seja, o quanto obteve de retorno com o investimento.

Imagine um retorno em relação a quantia que foi investida, o rendimento final.

Exemplo, se investir R$1.000 e no final de um tempo determinado você tiver R$2.000, significa que essa diferença positiva foi a rentabilidade do investimento.

Tipos de rentabilidade nos investimentos

o que é rentabilidade

A rentabilidade nos investimentos pode ser distribuída em diferentes formas, sendo compreendida em três conceitos essenciais.

São elas a rentabilidade nominal, liquida e real. Veja suas definições a seguir:

  1. Rentabilidade nominal

É o valor bruto que o investimento rendeu em um determinado período.

O valor bruto é o valor total do rendimento de um investimento sem desconto nenhum, isto é, antes das taxas e impostos.

Por isso, conhecer a rentabilidade nominal de um investimento é simples, pois ela normalmente é informada pela sua instituição financeira.

 

Esse indicador pode também ajudar a acompanhar os investimentos, comparando seu desempenho com as taxas oferecidas em outros produtos similares.

Dessa forma, o investidor vai poder analisar se está tendo uma boa performance ou se deve procurar oportunidades melhores.

  1. Rentabilidade líquida

A rentabilidade líquida é a rentabilidade nominal depois de descontados os custos do investimento, ou seja, os impostos e taxas.

Com isso, o investidor irá encontrar o valor exato de sua rentabilidade.

Além disso, ajuda a verificar o impacto que os custos estão tendo sobre os investimentos e analisar se há outros produtos que te permitam reduzir essa despesa sem afetar seu rendimento.

o que é rentabilidade

  1. Rentabilidade real

A rentabilidade real é quanto a sua aplicação rendeu depois de descontada a variação da inflação.

É comum no mercado financeiro, dizer que essa é a rentabilidade que realmente vale a pena ser considerada, pois é ela que vai garantir o aumento do seu patrimônio.

Com isso, se seu investimento render exatamente o valor da inflação, sem nada mais de rentabilidade real, significa que você manteve o seu poder de compra.

Ou seja, você compra com o seu dinheiro hoje, a mesma coisa que comprava antes de aplicá-lo.

Lead Magnet

No entanto, se ele render menos do que a inflação, você perdeu poder de compra.

Para analisar se uma aplicação teve ou não uma rentabilidade acima da inflação, você deverá primeiro escolher um índice de inflação para usar como referência.

O Índice de Preço do Consumidor amplo (IPCA) é o mais usado, mas há outros.

Uma vez que o investidor conheça o valor da inflação, o mesmo poderá fazer as contas e comparar com o seu rendimento nominal para ver se sua performance foi superior ou inferior.

Outro fato importante é que permite conferir o crescimento do patrimônio aliado a manutenção do seu poder de compra.

Definitivamente, saber o que é rentabilidade é essencial e importante para todo investidor. Por isso, entenda como usar esses conhecimentos e dedique-se para compreender cada um para aloca-los de forma correta nos investimentos.

Bruno Sperandio
Bruno Sperandio Desenvolvedor de conteúdos

Formado em Engenharia de Produção pela FAACZ, com experiência de mais de 5 anos no mercado financeiro do Brasil. Investidor e desenvolvedor de conteúdos sobre o mercado imobiliário, economia e investimentos.

Comentários