Pagamento de dividendos mensais: saiba como receber



Parte do lucro das empresas de capital aberto é distribuído entre os acionistas na forma pagamento de dividendos.

Entretanto, não existe um padrão temporal de pagamento, tampouco o percentual exato de rentabilidade que os sócios dessas empresas irão receber no ato do pagamento dos dividendos.

Ações que pagam bons dividendos são as preferidas dos investidores de longo prazo, que investem na empresa de forma conservadora, e não para especulação. Assim como pagamento de dividendos, existem alguns outros tipos de pagamento proventos. São eles:

  • Juros sobre capital próprio;
  • Bonificação;
  • Direitos de Subscrição; e
  • Rendimento.

Esse último é o mais utilizado para o pagamento dos proventos pelos Fundos de Investimento Imobiliário.

Para investidores que seguem o conceito do value investing, que são aqueles que compram ações com o foco no longo prazo, os dividendos são o combustível utilizado para aumentar a participação desses investidores nas empresas.

Alguns nomes conhecidos por esse comportamento investidores em “valor” são:

  • Warren Buffet
  • Décio Bazin
  • Luiz Barsi Filho

Esses são investidores que fizeram escola e ensinaram os mais jovens a encarar os investimentos não como um jogo de ganha e perde, mas sim como investimentos de valor agregado no tempo.

Esse é um assunto frequentemente abordado quando pensamos em viver de renda, e por consequência, remete a um dos maiores desejos de todos que começam a investir: alcançar a tão desejada independência financeira.

Continue lendo este artigo para saber como usufruir dos proventos pagos pelas empresas e fundos de investimento.

Como ocorre o pagamento de dividendosPagamento Dividendos

Todas as empresas listadas na B3 têm obrigatoriamente que distribuir no mínimo 25% dos seus lucros com os acionistas, que são os investidores que compraram as ações dessas empresas.

Algumas empresas chegam a distribuir até 100% do lucro com os acionistas, mas essa não é uma prática comum.

A distribuição de proventos é equacionada de acordo com a quantidade de papéis que o investidor possuir. Portanto, quanto mais ações ou cotas possuir, mais proventos irá receber.

Para a periodicidade de pagamento não há uma regra estabelecida. As empresas que geram lucro precisam remunerar seus acionistas pelo menos 1 vez por ano. Contudo existem empresas que remuneram os investidores que possuem seus ativos mensalmente.

Como receber pagamento de dividendos mensalmente

Pagamento Dividendos

Algumas empresas pagam dividendos mensalmente, como é o caso do Banco Itaú (ITUB4). Neste caso, a empresa optou por remunerar seus acionistas de forma mensal.

Mas esse comportamento não é regra. A grande maioria das empresas pagam proventos de forma trimestral, quando são divulgados seus balanços.

Entretanto, existe uma categoria de investimentos que remuneram seus acionistas, que nesse caso são chamados de cotistas, de forma mensal.

Estamos falando dos Fundos de Investimento Imobiliário, ou simplesmente FIIs, que são considerados condomínios fechados de investidores que reúnem seu capital, administrado por um gestor qualificado, no intuito de investir no mercado imobiliário.

Esse tipo de fundo investe na compra, venda e arrendamento de imóveis, no intuito de auferir ganho através do aluguel dos mesmos.

Além disso, os FIIs adquirem títulos de renda fixa atrelados ao mercado imobiliário, no intuito de ganhar com o rendimento mensal que eles proporcionam.

No caso dos fundos imobiliários, apesar de a maioria dos FIIs distribuírem seus rendimentos de forma mensal, o pagamento dos proventos (rendimento) deve ser feito semestralmente. Além do mais, os FIIs têm a obrigação de repassar, no mínimo 95% dos lucros para seus cotistas.

Considerações

Os dividendos são concedidos aos investidores que acreditam nas empresas e mantém as ações em suas carteiras durante o período de pagamento, e não apenas para lucrar com a especulação de compra e venda do ativo.

As empresas de capital aberto, assim como os Fundos Imobiliários, precisam efetuar o pagamento dos dividendos caso obtenham lucro no período, como forma de remunerar aquele que investiu na companhia ou Fundo e espera crescer junto com a mesma.

 

Leia também: 95% de distribuição mensal de dividendos...será?

Bruno Sperandio
Bruno Sperandio Autor

Engenheiro por formação, com mais de 7 anos de experiência no mercado de investimentos, trabalha com produção de conteúdo informativo e educacional para o mercado imobiliário brasileiro.




Comentários