O Fundo de Investimento Imobiliário Autonomy Edifícios Corporativos (AIEC11) com gestão da Autonomy Investimentos, divulgou nesta terça-feira (5) o seu relatório gerencial do mês de setembro, no qual descreveu seu resultado e rendimento mensal. Além disso, a gestora informou que o fundo agora faz parte do IFIX. 

A distribuição de dividendos de setembro é de R$ 0,61 por cota, equivalente a um dividend yield anualizado de 7,32% considerando a cota da primeira emissão e de 9,04% considerando a cota de 30/set. Confira abaixo:

AIEC11

Esse resultado inclui o saldo retido referente ao aluguel do ativo Dow. Desta forma, o dividend yield atual anualizado passa a ser 10,09%. 

A gestão também falou sobre a rentabilidade do mês. Assim, considerando o valor de mercado em 30 de setembro e o anúncio de encerramento da primeira emissão de cotas do AIEC11 em 8 de setembro, o fundo registrou uma rentabilidade bruta de -12,08%, comparado a -2,55% do IFIX, -8,58% do XPFT. 

Considerando a cota patrimonial, a rentabilidade líquida do fundo desde a primeira emissão é de 7,45%. O deságio entre o valor patrimonial e o de mercado é de 19,4%. 

A gestão lembrou que setembro foi um mês de baixa para os fundos imobiliários no mercado secundário, com queda de 2,55% no IFIX. 

Agora, o fundo faz parte do IFIX

Os fundos de tijolo foram os mais impactados, mostrado pela queda de 8,58% do índice de fundos de tijolos XPFT.

Na leitura da gestão, a queda foi motivada pelo aumento da taxa de juros futuro nas últimas semanas. Por esse e outros motivos, o AIEC11 apresentou valorização marginal de 0,26% no mês, mantendo o deságio contra a cota patrimonial em 19,4% e o yield anualizado em 9,04%. 

Mesmo assim, o AIEC11 passou a fazer parte do índice IFIX, com participação de 0,374%. Ao fazer parte do índice, o fundo passa a ter uma cobertura maior do mercado e a taxa de administração passa a ser calculada sobre o valor de mercado (e não mais sobre o valor patrimonial). 

Foi convocada uma Consulta Formal a ser apurada em 7 de outubro para deliberar sobre a substituição da entidade administradora do fundo. Esta substituição é devida a uma reorganização interna do Modal sem troca de controle ou da equipe responsável pela administração do fundo. 

Conheça o AIEC11

O Autonomy Edifícios Corporativos tem por objetivo a obtenção de renda, mediante locação ou arrendamento, com a exploração comercial de empreendimentos imobiliários no segmento de lajes corporativas, em especial empreendimentos imobiliários destinados a escritórios localizados no território nacional.

Além disso, o AIEC11 possui patrimônio líquido de R$485 milhões e tem cerca de 4.824.987 de cotas emitidas.