‌‌‌O‌‌‌ ‌‌‌‌‌‌IFIX‌‌‌‌‌‌ ‌‌fechou‌‌ ‌‌‌a‌‌‌ ‌‌‌última‌‌‌ quarta-feira‌‌‌ ‌‌‌(02)‌‌‌ ‌‌‌em‌‌ queda ‌‌de‌‌ -0,16%,‌‌‌ ‌‌terminando‌‌ ‌‌‌o‌‌‌ ‌‌‌dia‌‌‌ ‌‌‌em‌‌ ‌‌2.736,58 ‌pontos.‌‌‌ ‌‌‌No‌‌‌ ‌‌‌acumulado‌‌‌ ‌‌‌do‌‌‌ ‌‌‌mês‌‌‌ ‌‌‌de‌‌‌ março ‌‌‌e‌‌‌ ‌‌‌do‌‌‌ ‌‌‌ano‌‌‌ ‌‌‌de‌‌‌ ‌‌‌2022,‌‌‌ ‌‌‌a‌‌‌ ‌‌‌variação‌‌‌ ‌‌‌do‌‌‌ ‌‌‌índice‌‌‌ ‌‌‌é‌‌‌ ‌‌‌de‌‌‌ ‌‌-0,16%‌‌‌ ‌‌‌e‌‌‌ ‌‌-2,43%‌‌,‌‌‌ ‌‌‌respectivamente.‌‌‌ ‌ ‌

‌‌‌Confira‌‌ ‌‌as‌‌ ‌‌principais‌‌ ‌‌notícias‌‌ ‌‌do‌‌ ‌‌mercado‌‌ ‌‌de‌‌ ‌‌FIIs:‌‌

BRCR11 comenta sobre vacância e anuncia nova locação

A gestão do FII BTG Pactual Corporate Fund (BRCR11) comunicou aos cotistas nesta quarta-feira (2) os resultados referentes ao mês de janeiro. Além disso, a gestora comentou sobre o aumento de vacância do fundo, comentando também sobre nova locação. 

Neste aspecto, a gestora disse que  rentabilidade total para o cotista no último mês, considerando os rendimentos distribuídos e o valor da cota, foi negativa em 2,4%, enquanto o Ibovespa registrou variação positiva de 0,9%. 

Além disso, o fundo divulgou distribuição de de R$0,50 por cota.O dividend yield anualizado de acordo com a última distribuição é de 9,1%.

BRCR11

Aumento de vacância e nova locação

Deste modo, a gestora comentou que a vacância financeira do portfólio, em janeiro, representava 21,0%, em termos de receita de locação potencial e 25,8% sobre o total de ABL em m². Segue abaixo os dados sobre vacância do fundo:

BRCR11

Na verdade, a gestora confirmou que houve um aumento em relação ao mês anterior, uma vez que terminou o aviso prévio de um locatário do Eldorado, conforme previamente informado o mercado. 

Portanto, a vacância ao final de janeiro de 2022 correspondia em cada ativo do fundo o equivalente a: 

  • 28.513 m² no CENESP, 16.068 m² no Torre Almirante, 
  • 11.281 m² no Diamond Tower, 3.001 m² no Eldorado, 
  • 1.507 m² no Sucupira, 586 m² no EZ Towers, 
  • 525 m² no Transatlântico e 274 m² no BFC. 

Nos três meses seguintes, 20,3% da carteira de contratos será reajustada pela inflação, enquanto que neste período não teremos contratos em processos de renovação. 

Em fevereiro, foi firmado um novo contrato de locação de aproximadamente 1/2 andar no Cenesp, correspondente a 1.300m². O novo contrato terá vigência de 10 anos e condições comerciais condizentes com a região.

O BRCR11 é um fundo imobiliário do tipo tijolo, com o foco na compra de imóveis para locação, especialmente no mercado de escritórios comerciais de lajes corporativas. 

MALL11 mostra indicadores positivos de seus shoppings

O Malls Brasil Plural FII (MALL11), representado por sua gestora Genial Gestão, comunicou nesta última quarta-feira (2) os resultados do fundo referente ao mês de janeiro. Além disso, a gestora mostrou que seu portfólio segue em forte recuperação. 

Referente ao mês de janeiro, o MALL11 distribuiu R$ 0,72/cota. Além disso, a gestora disse que o fundo possui uma reserva acumulada para distribuições futuras, equivalente a R$ 0,47/cota. 

MALL11

Sobre as despesas que impactaram o resultado do fundo no mês de janeiro, a gestão disse que houve um aumento não recorrente em função das despesas de estruturação do CRI para a aquisição do Madureira Shopping. 

Em relação à renda dos seus ativos, a gestora reforçou que o  MALL11 conta com garantia de renda mínima em aproximadamente 24% da ABL do portfólio de seus ativos, dando uma maior garantia no curto prazo em relação à possíveis restrições do comércio em virtude da pandemia. 

Mesmo com o aumento de casos de covid-19 causados pela variante ômicron, durante o mês de dezembro, o portfólio do fundo permaneceu 100% aberto e com horário de funcionamento padrão. Certamente, isso refletiu nos resultados do fundo.  

Indicadores do shoppings

Desta forma, a gestora comentou sobre a melhora dos indicadores.Em dezembro, houve a maior geração de NOI/m² do ano de 2021 atingindo o valor de R$ 99/m². O indicador de NOI/m² - ou simplesmente a receita líquida do fundo - também apresentou uma melhora de 8% frente ao mesmo mês do ano de 2019.

MALL11 fiis

Da mesma forma, o indicador vendas totais/m² do portfólio, ficou 4% acima do mês de dezembro de 2019, resultado positivo impactado pelo sucesso das vendas de Natal, com o destaque para as vendas do Tacaruna Shopping que alcançou o marco histórico de R$ 94,2 milhões. 

MALL11

Já em relação à inadimplência líquida do portfólio, ela ficou negativa em 2% no mês de dezembro, mantendo uma média negativa desde o meio do ano. Na visão da gestora, isso mostra a recuperação do portfólio do fundo.

Aquisição do Madureira Shopping

A gestora lembrou que no dia 29 de dezembro de 2021, o MALL11 concluiu a aquisição indireta de 100% do Madureira Shopping, situado no Rio de Janeiro – RJ. O valor pago pelo fundo foi de R$ 286.176.604,00. 

Como parte da negociação, o valor equivalente a R$ 7.950.000,00 será pago ao vendedor em até 15 meses, após a confirmação de determinados indicadores de desempenho mínimo do Madureira Shopping. 

Neste aspecto, a gestora espera que o resultado da aquisição gere uma distribuição anual de dividendos de R$ 1,10 por cota, descontando os gastos com a emissão do CRI. 

Com esta última aquisição, o portfólio do MALL11 passa a ter 8 shopping centers, distribuídos em 5 estados, com presença no sudeste e nordeste e com 6 administradoras distintas. 

O Malls Brasil Plural FII é um fundo do tipo tijolo, com foco na obtenção de renda a partir da exploração imobiliária de participações em shopping centers.