O Fundo de Investimento Imobiliário GGR Covepi Renda (GGRC11), administrado pela CM Capital Markets DTVM Ltda., divulgou nesta quinta-feira (15) o seu relatório gerencial do mês de junho, em que descreveu seu resultado e rendimento mensal.

O GGRC11 iniciou suas atividades em abril de 2017 e possui uma taxa de administração e gestão de 1,10% ao ano. O objetivo do fundo é realizar investimentos em imóveis comerciais, principalmente do setor industrial e logístico. Com isso, se pretende ter locação atípica nas modalidades built to suit, sale and leaseback ou retrofit.

Além disso, o GGR Covepi Renda ainda pode aproveitar estes imóveis para venda, desde que eles atendam aos critérios e também à política de investimento do GGRC11 que estão expostos no regulamento.

O gestor do fundo comentou que o índice Bovespa terminou o semestre com uma alta de 6,54%, algo que demonstra uma retomada na economia. O fundo ainda disse que o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), conforme se viu no boletim Focus, projetou 5,97% para o final de 2021.

Portfólio do GGR Covepi Renda

O fundo tem 18 contratos de locação, o que resulta em mais de 306 mil metros quadrados de área construída. A receita do GGRC11 por região se distribui da seguinte forma:

  • Sudeste - 39,0%;
  • Sul - 33,3%;
  • Centro-Oeste - 14,7%;
  • Nordeste - 12,9%;
  • Norte - 0,0%.

Por tipologia, 54,25% da receita vem do setor industrial, enquanto 45,75% é oriundo do segmento logístico. Por ramo de atividade, se destaca o de metalurgia e siderurgia, que corresponde a 28,43%, enquanto o de química e petroquímica é de 17,98% e alimentos bebidas, 17,97%.

Em relação ao índice de reajuste, 88,64% está no IPCA, do mesmo modo que 9,48% está no IPC e 1,88% no IGP-M. Em relação ao prazo de vencimento dos contratos, se tem a seguinte diversificação:

  • 2030+: 40%;
  • 2027: 28%;
  • 2028: 19%;
  • 2025: 13%.

Resultados e rendimentos do GGRC11

Em junho se teve a negociação de 295.577 cotas do GGR Covepi Renda na B3, cujo volume diário de foi de cerca de R$ 2,2 milhões. Com isso, a variação foi de -1,7%, levando em conta a comparação com o mês de maio de 2021. Acompanhe a rentabilidade do fundo e a comparação com outras referências:

GGRC11 divulga resultados e rendimentos do mês de junho

Já a cotação do GGRC11 na bolsa de valores no último dia do mês de junho foi de R$ 117,74, o que corresponde a uma variação nominal mensal de -0,8%. Por conta disso, se tem uma variação nominal nos últimos 12 meses de -13,1%.

Vale destacar que o fundo não tem vacância física nem financeira em seu portfólio, terminando o mês de junho totalmente adimplente. A base de cotistas do fundo conta atualmente com 94.842 investidores. Esse número representa pessoas físicas, jurídicas e até mesmo investidores institucionais e cresceu 23,4% nos últimos 12 meses.

Assim, a alta de julho no número de cotistas em relação a maio foi de 1,2%. O patrimônio líquido do GGRC11 foi de R$ 965,38 milhões. Assim, em meio a 7.758.429 cotas emitidas, se tem R$ 124,43 por cota. O valor de mercado do fundo atingiu a marca de quase R$ R$ 913,48 milhões.