O Fundo de Investimento Imobiliário Even Permuta Kinea (KINP11), administrado por Intrag DTVM e gerido por Kinea Investimentos, divulgou nesta segunda-feira (8) o seu relatório do mês de dezembro, em que descreveu seu resultado e rendimento mensal.

O KINP11 aponta que durante primeiro semestre de 2021 se teve o melhor momento em lançamentos e em vendas no setor imobiliário. Assim cerca de 29,9 mil unidades foram vendidas, número 52% maior que o recorde anterior.

Veja as unidades vendidas e lançadas por ano, de acordo com os seguintes gráficos:

Além disso, se destacou o segundo semestre de 2021, em que o cenário macroeconômico teve uma deterioração. Com isso, se teve um aumento na taxa de juros para 9,25% ao ano. Assim também ocorreu uma forte pressão da inflação. O INCC, por exemplo, alcançou um pico de 17,2% ao ano.

Portfólio do Even Permuta Kinea

O KINP11 diz que terminou o ano de 2021 com uma “sólida performance comercial”. Com as 128 unidades comercializadas, o VGV do fundo foi de R$ 83 milhões. Com isso, se atingiu o patamar de 64% das unidades vendidas.

Do mesmo modo, as obras que foram feitas no portfólio do KINP11 ficaram em linha com o cronograma que era aguardado. A obtenção do Habite-se do Facto Paulista ocorreu no mês de novembro. Com isso, se iniciou a “fase de repasses das unidades para quitação do saldo devedor dos compradores”.

Segundo o fundo, o Open Marajoara se encontra entre os principais desafios do KINP11, já que as dificuldades estão na liquidez do ativo. Este é um projeto de média/baixa renda. Assim, juntamente com o Even Permuta Kinea, se deve encontrar soluções para que se reduza os impactos do cenário macroeconômico sobre o projeto.

Resultado e rendimento do KINP11

O objetivo do KINP11 é trazer ganho de capital aos cotistas do fundo por meio de participação em empreendimentos imobiliários que foram desenvolvidos com a Even Construtora e Incorporadora S/A.

O fundo possui quase 7,15 milhões de cotas emitidas, do mesmo modo que sua taxa de administração é de 1,45% ao ano, assim como uma taxa de performance de 20% sobre o que superar o IPCA + 6% ao ano. O início do fundo foi em 12 de junho de 2017, sendo o prazo do fundo em 6 anos.

Importante destacar que R$ 22,83 milhões se distribuíram em rendimentos no ano de 2021, o que corresponde a R$ 3,19 por cota. Com 64% das unidades vendidas, o KINP11 acumula R$ 52,27 milhões em patrimônio líquido, o que equivale a R$ 7,31 por cota. Desde o início do fundo, se distribuiu cerca de R$ 34,16 milhões, em que R$ 19,60 milhões em dividendos.