A Rio Bravo, gestora do FII SDI Rio Bravo Renda Logística (SDIL11), detalhou em seu Relatório Gerencial divulgado na última terça-feira (13), os resultados do fundo no mês de junho e explicou a redução pontual no valor dos dividendos. Além disso, a Rio Bravo descreveu sobre a atual situação dos imóveis do fundo.   

Referente ao mês de junho, o fundo distribuirá R$ 0,55 por cota. De acordo com a Rio Bravo, houve redução pontual no patamar de distribuição para adequar o valor do primeiro semestre do ano corrente aos resultados gerados no mesmo período. Confira abaixo os resultados: 

SDIL11

A gestora explicou que essa redução se explica a partir da aquisição do Centro Logístico Contagem. Naquela ocasião e por um pequeno período, “houve o descasamento entre a efetiva aquisição do imóvel e o início do recebimento dos aluguéis de forma integral”, disse a Rio Bravo. 

Porém, após o fundo começar a receber o valor integral do aluguel do imóvel no momento em abril, a situação vem se regularizando. Por isso, a margem entre resultado e distribuição deverá se reequilibrar nos próximos meses, garantiu a equipe gestora. Por isso, a distribuição de rendimentos do SDIL11 deverá voltar ao patamar de R$ 0,60 por cota nos próximos meses. Confira abaixo:

SDIL11

Em se tratando da rentabilidade, o dividend yield anualizado encerrou o mês em 7,2% em relação ao valor da cota do fechamento mensal, em R$ 91,85/cota. 

Locação do Galpão Guarulhos e investimentos no One Park

O SDIL11 assinou, em 1º de julho, um Memorando de Entendimentos para a locação do Galpão Guarulhos. No entanto, o imóvel encontra-se em processo inicial das intervenções de seu retrofit. O contrato de locação a ser assinado deverá ter duração de 20 anos, sendo os 15 primeiros anos caracterizados como atípicos, sendo 

“Após a assinatura do memorando, é estimado que o contrato de locação deve ser assinado em até dez dias úteis após superação de condições precedentes, previstas para 15 de julho deste ano”, destacou a gestão. 

A gestão também informou que as obras de retrofit do empreendimento One Park seguem o cronograma projetado inicialmente para as intervenções no condomínio. Atualmente a obra se encontra com 76% de avanço físico. Nas contas da gestora, após o encerramento do mês de junho, cerca de R$ 28,4 milhões já haviam sido investidos no ativo.

Disponibilidade de caixa e vacância

No final de junho, o SDIL11 possuía cerca de R$ 71 milhões em disponibilidade de caixa e aplicados em fundos de renda fixa, além de aproximadamente R$ 27 milhões investidos em cotas de FIIs. 

Desta forma, a gestão garantiu que o fundo possui os recursos necessários para dar seguimento às obras de modernização do ativo “One Park”, das reformas do projeto de pré-locação do “Galpão Guarulhos”, além das obrigações com o pagamento da segunda parcela da aquisição do imóvel Centro Logístico Contagem, projetada para outubro/2021.

Em relação à vacância, atualmente o SDIL11 possui 8,3% de sua área bruta locável vaga, sem contar com a possível locação do imóvel em Guarulhos. Por outro lado, no final de 2020 a taxa de vacância era de 14,3%.   

Com os novos contratos, 98% da receita bruta contratada possui vencimento para além do ano de 2023. 

Conheça o SDIL11

O FII SDI Rio Bravo Renda Logística tem por objeto a realização de investimentos em empreendimentos imobiliários de longo prazo, por meio de aquisição e posterior gestão patrimonial de imóveis de natureza logística e industrial, notadamente galpões logísticos, preferencialmente regiões metropolitanas das principais capitais do país.

Além disso, o SDIL11 possui patrimônio líquido de R$641 milhões e tem aproximadamente 6.395.050 de cotas emitidas. 

Para quem deseja investir no SDIL11, o valor patrimonial de sua cota é de R$100,36, sendo sua taxa de administração de 0,84%a.a. sobre valor de mercado do fundo.