A Rio Bravo, gestora do FII SDI Rio Bravo Renda Logística (SDIL11), detalhou em fato relevante divulgado na última quinta-feira (1), sobre a assinatura de memorando de entendimentos para locação do imóvel do fundo localizado em Guarulhos.

De acordo com a gestora, o potencial inquilino trata-se de empresa com 40 anos de história e atuação no segmento industrial. O Imóvel ainda não está pronto para locação, pois encontra-se em processo inicial das intervenções do seu retrofit para adequar às necessidades do novo inquilino.  

No último relatório gerencial divulgado pelo SDIL11, a gestora informou que o montante já investido nas intervenções do imóvel citado estão em patamares de aproximadamente R$ 700 mil. 

Em relação ao contrato de locação a ser assinado, ele terá duração de 20 anos, sendo os 15 primeiros anos caracterizados como atípicos. A multa de rescisão antecipada será igual à somatória dos aluguéis até o prazo de 15 anos. Por outro lado, a Rio Bravo reforçou que “não haverá direito à revisão dos valores de locação até o final do contrato”. 

Desta forma, é estimado que o contrato de locação deve ser assinado em até dez dias úteis após “superação de condições precedentes”, com previsão para 15 de julho deste ano. 

Com base nas premissas assinadas pela gestão e pelo novo inquilino, o “habite-se” do Imóvel é estimado para ser expedido em março de 2022. Maiores informações sobre a finalização do negócio serão divulgadas posteriormente. 

Conheça o SDIL11

O FII SDI Rio Bravo Renda Logística tem por objeto a realização de investimentos em empreendimentos imobiliários de longo prazo, por meio de aquisição e posterior gestão patrimonial de imóveis de natureza logística e industrial, notadamente galpões logísticos, preferencialmente regiões metropolitanas das principais capitais do país.

Além disso, o SDIL11 possui patrimônio líquido de R$663 milhões e tem aproximadamente 6.395.050 de cotas emitidas. 

Para quem deseja investir no SDIL11, o valor patrimonial de sua cota é de R$100,36, sendo sua taxa de administração de 0,84%a.a. sobre valor de mercado do fundo.