Os Fundos Imobiliários Itaú é um modelo de investimento como qualquer outro, onde contemplam acionistas (cotistas), assembleias e distribuições de resultados.

O retorno do investimento nos fundos imobiliários Itaú também se assemelha a uma empresa de capital aberto, por meio da distribuição de rendimentos periódicos para os cotistas.

Os fundos imobiliários Itaú são formados por grupos de investidores que têm como objetivo aplicar recursos em todo o tipo de negócios de base imobiliária, como desenvolvimento de empreendimentos imobiliários, imóveis prontos que buscam a geração de renda através de aluguel, títulos e valores mobiliários que tenham como foco principal o mercado imobiliário. Além disso, eles são fundos fechados, ou seja, não permitem resgate das cotas como os fundos convencionais ou até mesmo poupança.

Para resgatar o valor total ou parcial investido, é necessário realizar a venda do produto na bolsa de valores.

Diferenciais de investir em fundos imobiliários

fundos imobiliários Itaú

  • Renda: Rendimentos mensais pagos diretamente em conta corrente
  • Benefício Fiscal: Isenção de IR sobre os rendimentos para pessoas físicas
  • Praticidade: A responsabilidade pela manutenção dos imóveis, relacionamento com os locatários ou, ainda, pela identificação, avaliação e aquisição dos ativos imobiliários integrantes da carteira é do gestor do fundo
  • Diversificação: Possibilidade de maior diversificação por meio de investimentos em diferentes imóveis

Conheça os fundos imobiliários Itaú

Kinea Rendimentos Imobiliários  

O Kinea Rendimentos Imobiliários aplica seus recursos preponderantemente em Certificados de Recebíveis Imobiliários (“CRI”).

No processo de emissão de um CRI, o locador de um imóvel interessado em antecipar o fluxo de recebimentos do aluguel mensal cede esse fluxo para a securitizadora.

Essa securitizadora emite os CRI para investimento e utiliza os recursos recebidos dos investidores para fazer o pagamento ao locador.

Assim, os investidores recebem o valor correspondente ao CRI conforme ocorram os pagamentos provenientes do aluguel.

A rentabilidade alvo do fundo equivale a 100% do CDI, não havendo garantia de rentabilidade ou isenção de riscos para os investidores.

Além disso, é uma possibilidade de diversificação dos seus investimentos utilizando uma parcela da reserva destinada à construção de patrimônio, por se tratar de um investimento com horizonte de longo prazo.

O produto é adequado para investidores que possuem perfil moderado, arrojado e agressivo.

Kinea Renda Imobiliária   

O Kinea Renda Imobiliária tem como foco investir recursos em empreendimentos comerciais e centros de distribuição.

O fundo busca gerar retorno aos cotistas por meio do pagamento de rendimentos mensais provenientes do aluguel de imóveis.

Por isso, é indicado para investidores com perspectiva de receber rendimentos mensais provenientes da locação dos imóveis do fundo, como alternativa à aquisição de um imóvel.

O produto é adequado para investidores com perfil moderado, arrojado e agressivo.

Considerações

fundos imobiliários Itaú

É importante lembrar que em qualquer tipo de investimento, a rentabilidade passada não representa garantia de rentabilidade futura.

Também, é recomendado a leitura do prospecto e o regulamento antes de investir.

Em suma, os fundos imobiliários Itaú não contam com garantia do administrador, do gestor ou de qualquer mecanismo de seguro ou Fundo Garantidor de Crédito - FGC. Por isso, para uma avaliação de performance de um fundo, é recomendável a análise de, no mínimo, 12 meses. Bons Investimentos!

Rafael Campagnaro
Rafael Campagnaro Head de Conteúdo

Engenheiro por formação, trabalha com produção de conteúdo informativo e educacional para o mercado financeiro no FIIs.com.br desde que iniciou no universo das finanças.




Comentários