Como Calcular a Rentabilidade de Fundos Imobiliários?

O fator rentabilidade é um dos mais importantes na hora de se investir. Para os fundos imobiliários, a rentabilidade pode ser determinante na hora do investimento.

Os fundos imobiliários podem ser muito rentáveis, principalmente se considerarmos que existe a isenção de Imposto de Renda (IR) para os dividendos dos FIIs. Além disso, se comparados aos imóveis físicos, a rentabilidade de fundos imobiliários é muito superior.

Geralmente, em imóveis residenciais comuns que se cobram aluguéis, consegue-se uma rentabilidade média que varia de 4% a 8% ao ano sobre o valor dos imóveis com os aluguéis. Já nos FIIs, existem vários fundos que pagam 1% ou mais ao mês, livres de imposto de renda.

Essa é uma rentabilidade que não pode ser ignorada! Por isso, preparamos um guia completo com tudo o que você precisa saber sobre esse assunto. Continue lendo abaixo!

O que é Rentabilidade dos Fundos Imobiliários?

A rentabilidade dos Fundos Imobiliárias consiste no percentual que será recebido com base no valor investido. Basicamente, é a porcentagem que você irá ganhar com o investimento num Fundo Imobiliário. 

Da mesma forma como os bens imobiliários físicos, os valores de imóveis em fundos imobiliários variam de acordo, principalmente, com sua localização. Portanto, os fundos imobiliários com ativos em melhores localizações tendem a gerar um maior retorno aos seus cotistas.

Além da própria valorização dos ativos, os aluguéis dos FIIs tendem a oscilar. Isso acontece, pois, os valores cobrados sofrem reajustes, que variam, geralmente, conforme o IPCA ou IGP-M — índices de preços de reajuste do aluguel dos fundos imobiliários — dependendo do que consta no contrato de aluguel dos imóveis.

Fora isso, os aluguéis também variam segundo a vacância dos imóveis. Logo, imóveis totalmente preenchidos tendem a pagar rendimentos maiores se comparados aos que possuem muitos espaços vazios, ou seja, com espaços que não se encontram alugados.

Portanto, é importante que o investidor se atente a esses fatores antes de investir num fundo imobiliário. Ou seja, no momento do investimento, um FII pode ter uma rentabilidade que não condiz com a situação do fundo.

rentabilidade-fundos-imobiliarios

Como calcular a rentabilidade de um FII?

O rendimento de fundos imobiliários é bem simples de determinar. Veja o exemplo:

Vamos supor que o valor da cota está R$100,00 e os proventos gerados por seus ativos foram de R$1,00 por cota

R$1,00 rendimento/R$100,00 preço base da cota = R$ 0,01 * 100(%) = 1%

Logo, ao dividir, 1/100, a sua rentabilidade será, portanto, de 1%.

Porém, como o valor da cotação está sujeito à volatilidade do mercado, o ideal é fazer essa conta em um período maior, ou seja, ao analisar o rendimento dos FIIs, é necessário checar o histórico completo do fundo desejado.

Bons fundos imobiliários costumam ter rentabilidade de 0,5% até 1% ao mês em sua média.

Invista você também em FIIs

Definitivamente, o rendimento é e sempre será o principal motivo de um investimento, pois, não haveria sentido fazer um investimento por um determinado tempo e não obter um prêmio no final.

Por isso, busque entender mais sobre os FIIs. A rentabilidade de fundos imobiliários pode oferecer grandes retornos ao longo do tempo, o que faz valer a pena aprender um pouco mais sobre essa modalidade de investimento.

Bruno Sperandio
Bruno Sperandio Autor

Engenheiro por formação, com mais de 7 anos de experiência no mercado de investimentos, trabalha com produção de conteúdo informativo e educacional para o mercado imobiliário brasileiro.


Comentários