Fundos imobiliários XP investimentos.

Neste artigo, vamos mostrar algumas vantagens e a diferença entre investir em FII ou comprar um imóvel, para assim saber se vale a pena ou não investir nos fundos imobiliários XP.

Os fundos imobiliários XP são formados por grupos de investidores com o objetivo de aplicar recursos em diversos tipos de investimentos imobiliários, seja no desenvolvimento de empreendimentos ou em imóveis já prontos, como edifícios comerciais, shopping centers e galpões. O objetivo é conseguir retorno pela exploração de locação, arrendamento, venda do imóvel e demais atividades do setor.

Vantagens para investir em fundos imobiliários

fundos imobiliários XP

  • Diversificação dos investimentos – Com aplicações de baixo valor, você já tem acesso a diferentes tipos de imóveis em vários segmentos do setor, permitindo maior diversificação do seu investimento.
  • Liquidez – As cotas são negociadas em Bolsa, reduzindo o risco de não conseguir vender o ativo, além de ser livre de complicações burocráticas.
  • Vantagem fiscal – Para pessoas físicas não há incidência de IR sobre o rendimento distribuído pelo fundo, o que aumenta o retorno do investimento.

Diferença entre investir em fundos imobiliários e comprar um imóvel

#Simplicidade

FII - Por meio do home broker o investidor negocia as suas cotas sem se preocupar com burocracia e os cuidados de um imóvel.

Imóvel - O investidor precisa se preocupar com escrituras, certidões, ITBI, locação, vacância, reforma, cobrança, etc.

#Liquidez

FII - As cotas são negociadas em Bolsa, reduzindo o risco de não conseguir vender o ativo, além de ser livre de complicações burocráticas.

Imóvel - A transação depende de diversas variáveis e complicações que tornam difícil a venda rápida de um imóvel.

#Diversificação do Investimento

FII - Com aplicações de baixo valor, você já tem acesso a diferentes tipos de imóveis em vários segmentos do setor, permitindo maior diversificação do seu investimento.

Imóvel - O imóvel, como se sabe, é um bem indivisível. Assim, não é possível vender apenas uma parte dele.

#Vantagem Fiscal

FII - Para pessoas físicas não há incidência de IR sobre o rendimento distribuído pelo fundo, o que aumenta o retorno do investimento.

Imóvel - Os aluguéis provenientes dos imóveis de propriedade direta são tributados pelo Imposto de Renda Pessoa Física (IRPF).

#Risco

FII - O FII investe, normalmente, em grandes empreendimentos, o que leva à diversificação de inquilinos e minimiza o risco de fortes oscilações na distribuição de rendimentos.

Imóvel - O proprietário de um imóvel fica mais exposto ao risco de vacância (imóvel vazio) e inadimplência.

#Gestão

FII - Com FIIs o investidor pode contar com a gestão ativa, que visa extrair o maior valor do portfólio de imóveis, por meio da procura constante de locatários ou mesmo da reciclagem dos ativos.

Imóvel - O proprietário de um imóvel, em geral, não pode dedicar 100% do seu tempo para administração dos seus investimentos em imóveis.

Observações

fundos imobiliários XP

A aplicação em Fundos Imobiliários é recomendada para o perfil moderado e agressivo.

A isenção de imposto de renda é válida para pessoas físicas que tenham menos de 10% da totalidade de cotas do fundo e exclusivamente para fundos imobiliários cujas cotas sejam negociadas em Bolsa de Valores e que tenham mais de 50 cotistas.

Por fim, antes de investir em fundos imobiliários XP, os investidores devem obter uma orientação financeira independente, com base em suas características pessoais, antes de tomar uma decisão de investimento.

Marcos Baroni
Marcos Baroni Especialista em FIIs (Suno Research)

Marcos Baroni é especialista em Fundos Imobiliários. Professor há 20 anos em cursos de Graduação e MBA nas áreas de Gestão de Projetos e Processos.

Comentários