IPO – Veja quais são os 5 passos para investir em uma Oferta Pública Inicial

IPO é uma sigla utilizada para se referir ao termo em inglês Initial Public Offering.

Em outras palavras, um IPO é o lançamento das ações de uma empresa no mercado de capitais.

Ou seja, traduzindo para o português, IPO significa oferta pública inicial. Em linhas gerais, essa sigla indica um processo no mercado financeiro em que uma empresa passa a ser de capital aberto com ações negociadas na Bolsa de Valores.

Veja como funciona o processo de um IPO em uma empresa

ipo

A Oferta Pública Inicial é definida como a primeira venda de ações ao público numa bolsa de valores, processo este que caracteriza a abertura do capital das empresas.

Uma vez que a empresa atinge esse feito de realizar seu IPO, e tornar-se uma empresa de capital aberto, ela terá acesso a alternativas de mercado, que não estão disponíveis às empresas de capital fechado.

Quando a empresa toma a decisão de abrir seu capital, deve realizar um estudo, um preparo e uma avaliação do mercado.

O IPO é geralmente considerado um grande desafio para a organização, pois indica uma série de mudanças, tal como agregar novos sócios.

Além disso, a empresa deve analisar as vantagens e as possíveis desvantagens, bem como verificar sua estrutura, atendimento às exigências que são obrigatórias, custos, etc.

É interessante também entender que, quando as empresas se tornam públicas, geralmente vendem grandes blocos de novas ações, durante uma oferta primária.

Com isso, podem usar o capital da forma que acharem conveniente, desde que a finalidade esteja em conformidade com as diretrizes do prospecto da ação.

Isto feito, os propósitos possíveis podem incluir financiar expansão imediata, comprar equipamentos ou investir no crescimento futuro da organização.

Aprenda a investir em IPO na Bolsa de Valores

ipo

Agora que você já entendeu o processo de um IPO e como ele acontece, veja quais são os 5 passos para adquirir ações de uma oferta pública inicial na Bolsa de Valores:

  1. Escolha a empresa
  2. Reserve as ações
  3. Preço final
  4. Demanda maior
  5. Início das negociações

Escolha a empresa

O primeiro passo é a análise do histórico e demonstrativo da empresa.

Essa etapa é uma das mais importantes, pois um erro aqui pode prejudicar o futuro do seu investimento.

Portanto, é essencial dedicar um bom tempo nessa fase.

Reserve as ações

Feito isso, é necessário abrir uma conta em uma corretora de valores que está participando do IPO.

Logo após, informe o volume financeiro que deseja comprar, de acordo com a faixa de preço estabelecida no processo de bookbuilding.

É importante lembrar que, após a reserva, não será possível desistir da operação.

Além disso, é necessário pagar por um percentual do valor das ações reservadas para garantir a sua parcela no IPO.

Preço final

A precificação das ações é realizada através do processo de bookbuilding.

Esse processo consiste em um mecanismo de descoberta do preço no qual um banco de investimentos avalia a empresa e estabelece uma faixa de preços para cada ação.

Em seguida, o banco verifica, junto aos investidores, a demanda pelos papéis que estão sendo ofertados.

Essa operação se baseia no volume financeiro que os investidores apresentam disposição em adquirir dos ativos.

Pronto, assim é definido o preço do papel no mercado primário.

Por sua vez, o valor definido nesta etapa é o que será pago por quem reservou os papéis.

Demanda maior

Nessa etapa, deve ser verificado se há uma demanda superior à oferta pelas ações que serão divididas entre os interessados que fizeram suas reservas.

Caso isso não ocorra, o IPO não poderá se concretizar.

Início das negociações

Após o IPO, por fim, ocorre o início das negociações no mercado secundário.

Esse é o momento em que as ações serão negociadas na Bolsa, podendo ter o preço em alta ou baixa, de acordo com as oscilações que esse mercado normalmente pode apresentar.

Depois de tudo isso, por fim, você já sabe como funciona o IPO e percebeu que é necessário conhecer todos os pontos desse processo antes de investir.

Marcos Baroni
Marcos Baroni Especialista em FIIs (Suno Research)

Marcos Baroni é especialista em Fundos Imobiliários. Professor há 20 anos em cursos de Graduação e MBA nas áreas de Gestão de Projetos e Processos.

Comentários