O Fundo de Investimento Imobiliário Alianza Trust Renda Imobiliária (ALZR11), administrado pelo BTG Pactual Serviços Financeiros S.A. DTVM, divulgou nesta quinta-feira (19) o seu relatório gerencial do mês de julho, em que descreveu seu resultado e rendimento mensal.

O objetivo do ALZR11 é o investimento em propriedades para renda via contratos de locação atípicos, que inclui as modalidades Built-To-Suit e Sale&Leaseback. A taxa de administração do fundo é de 0,20% ao ano sobre o valor de mercado, enquanto a taxa de gestão é de 0,70% ao ano sobre o valor de mercado.

No mês de julho, o ALZR11 “avançou com mais uma importante etapa no processo de captação através da sua 4ª emissão de cotas”, conforme explicou o fundo. Depois dos períodos de direito de preferência e  sobras, em que se subscreveu e integralizou 611.180 cotas, que corresponde a R$ 69,3 milhões considerando o preço de emissão de R$ 113,42, iniciou-se o período de “Oferta Restrita”.

Nesta etapa em questão, que terminou no início do mês de agosto, se subscreveu e integralizou mais 836.246 novas cotas, que corresponde a cerca de R$ 95 milhões levando em conta o preço de emissão da oferta. Informou-se que a 4ª emissão foi concluída com a subscrição e integralização de um total de 1.442.527 novas cotas, permitindo a captação líquida do fundo de mais de R$ 163,61 milhões.

Portfólio do Alianza Trust Renda Imobiliária

Os recursos que se teve com a oferta vão ser aplicados em sua maioria na compra de novos ativos imobiliários e também para o pagamento de obrigações, assim de acordo com a política de investimentos do ALZR11. A composição do pipeline se dá por 2 ativos imobiliários.

Esses imóveis do ALZR11 foram anunciados nos fatos relevantes de 27 de abril de 2021 e de 18 de maio de 2021. O primeiro ativo ocorreu na modalidade Built-To-Suit da FEMSA, matéria de votação da AGE e o segundo no Sale&Leaseback da Pandurata/Bauducco já concluído em 25 de junho de 2021.

Além disso, nesta oferta se inclui o pagamento de parcela do preço de aquisição do imóvel Decathlon, que vence em 10 de dezembro de 2021, assim como divulgado em fato relevante publicado em 30 de dezembro de 2020. Do mesmo modo, se teve uma potencial integralização de capital adicional no Alianza Digital Realty FII, assim como outros ativos e reserva de caixa.

Nos aluguéis por localização dos imóveis, a maior parte está na Grande São Paulo, representando 63%. O Rio de Janeiro corresponde a 28% e Estado de São Paulo de 9%. Por classes de imóveis, os aluguéis do ALZR11 se distribuem em:

  • Lajes Corporativas - 59%;
  • Galpões Log. Secos / Industriais - 14%;
  • Centros Diagnósticos - 11%;
  • Data Center - 6%;
  • Varejo BigBox - 5%;
  • Galpões Logísticos Refrigerados - 5%.

ALZR11 anuncia resultado e atualização de carteira do mês de julho

Resultado e rendimento do ALZR11

O próximo pagamento de dividendos do  ALZR11 está previsto para o dia 25 de agosto de 2021, no valor de R$ 0,7170 por cota. Esta distribuição é do mês de julho para a base de investidores do fechamento de 18 de agosto de 2021.

No mercado secundário, o volume médio diário de negociação das cotas foi de R$ 1,2 milhão em julho. Além disso, a base de investidores no ALZR11 aumentou novamente no período e passou para 93.930 cotistas em 31 de julho, que corresponde a uma alta de 1,1% em relação a junho.

A receita do ALZR11 no mês foi de R$ 3,78 milhões, enquanto as despesas foram de R$ 569 mil. O resultado de caixa do fundo foi de R$ 3,21 milhões, que representa R$ 0,72 por cota. Esse mesmo valor corresponde ao valor totalmente distribuído. O valor de mercado do é de R$ 543,8 milhões e o patrimônio líquido de R$ 575,9 milhões.