O‌‌‌ ‌‌‌‌‌‌IFIX‌‌‌‌‌‌ ‌‌fechou‌‌ ‌‌‌a‌‌‌ ‌‌‌última‌‌‌ quinta-feira‌‌‌ ‌‌‌(9)‌‌‌ ‌‌‌em‌‌ queda de 0,17%,‌‌‌ ‌‌terminando‌‌ ‌‌‌o‌‌‌ ‌‌‌dia‌‌‌ ‌‌‌em‌‌ ‌‌2.818 pontos.‌‌‌ ‌‌‌No‌‌‌ ‌‌‌acumulado‌‌‌ ‌‌‌do‌‌‌ ‌‌‌mês‌‌‌ ‌‌‌de‌‌‌ junho ‌‌‌e‌‌‌ ‌‌‌do‌‌‌ ‌‌‌ano‌‌‌ ‌‌‌de‌‌‌ ‌‌‌2022,‌‌‌ ‌‌‌a‌‌‌ ‌‌‌variação‌‌‌ ‌‌‌do‌‌‌ ‌‌‌índice‌‌‌ ‌‌‌é‌‌‌ ‌‌‌de‌‌‌ -0,09 ‌‌‌e‌‌‌ 0,44%‌‌,‌‌‌ ‌‌‌respectivamente.‌‌‌ ‌Em resumo, HGLG11 informa resultados e dividendos gordos para próximo mês, enquanto o Pátria Investimentos confirma possível compra da VBI.

Confira‌‌ ‌‌as‌‌ ‌‌principais‌‌ ‌‌notícias‌‌ ‌‌do‌‌ ‌‌mercado‌‌ ‌‌de‌‌ ‌‌FIIs:‌‌

HGLG11‌: com lucro maior, fundo mostra quanto cotistas receberão de dividendos extras

A‌ ‌‌Credit‌ ‌Suisse‌,‌ ‌gestora‌ ‌do‌‌ ‌‌CSHG‌ ‌Logística‌ ‌FII‌ ‌(HGLG11)‌,‌ ‌comunicou‌ ‌nesta‌ quinta-feira‌ ‌(9)‌ ‌aos‌ ‌seus‌ ‌investidores,‌ ‌sobre os resultados do fundo referentes ao mês de maio. Além disso, a gestora informou o valor do resultado ainda não distribuído que “engordará” a distribuição referente ao último mês do primeiro semestre.

Referente a maio, os dividendos HGLG11 conforme divulgado no dia 31 de maio, foi de R$ 1,10. A gestora prossegue mantendo a linearidade dos rendimentos, equivalente a um total distribuído de 66,4% do resultado até o momento.

A legislação prevê que os fundos distribuam obrigatoriamente 95% dos lucros apurados, de forma que o HGLG11 ainda tenha espaço para maior distribuição.

Em relação aos resultados, o fundo recebeu um montante de R$ 26,4 milhões ou R$ 1,24 por cota. Além disso, o fundo acumula uma reserva de cerca de R$ 76,5 milhões ou R$ 3,59 por cota, que serão distribuídos no fim deste semestre. 

O CSHG Logística FII tem por objeto a exploração de empreendimentos imobiliários voltados primordialmente para operações logísticas e industriais, por meio de aquisição de terrenos para sua construção ou aquisição de imóveis em construção ou prontos, para posterior alienação, locação ou arrendamento. 

Pátria confirma possível compra da VBI, aumentando seus investimentos em FIIs

O Pátria Investimentos e a VBI Real Estate confirmaram um acordo de associação, por meio do qual o Pátria passará a deter a participação equivalente a 50% da VBI. A conclusão da transação depende da superação de certas condições precedentes comuns a este tipo de aquisição. Os valores do negócio não foram divulgados pelos participantes.

Será realizada a incorporação, pela VBI, de parcela do patrimônio do Pátria, incluindo as atividades de gestão do fundo. Com a conclusão da aquisição, a VBI sucederá o Pátria em tais atividades e passará a ser uma sociedade integrante do grupo do Pátria. 

A VBI possui certa de R$ 5,7 bilhões sob gestão, com cinco fundos imobiliários no portfólio: 

  • VBI Logístico (LVBI11)
  • VBI CRI (CVBI11)
  • VBI Reits FoF (RVBI11)
  • VBI Prime Properties (PVBI11
  • VBI Consumo (EVBI11).

Nesse contexto, os sócios do Pátria deixarão a área imobiliária para integrar o comitê de investimentos e o conselho de administração da VBI, enquanto a gestão imobiliário dos fundos ficará a cargo da VBI.