O‌ ‌‌IFIX‌‌ fechou ‌a‌ ‌última‌ quinta-feira‌ ‌(26)‌ ‌em alta de 0,09%,‌ terminando ‌o‌ ‌dia‌ ‌em 2.723,55 pontos.‌ ‌No‌ ‌acumulado‌ ‌do‌ ‌mês‌ ‌de‌ agosto ‌e‌ ‌do‌ ‌ano‌ ‌de‌ ‌2021,‌ ‌a‌ ‌variação‌ ‌do‌ ‌índice‌ ‌é‌ ‌de‌ -3,56%‌ ‌e‌ -5,09%,‌ ‌respectivamente.‌

Também, o ‌‌índice‌‌ ‌‌‌‌SUNO30‌‌‌‌ ‌‌fechou‌‌ ‌‌em‌‌ alta ‌de‌ 0,08%‌ ‌‌e‌‌ ‌98,98 pontos.‌‌ ‌‌Veja‌‌ ‌‌na‌‌ ‌‌tabela‌‌ ‌‌‌abaixo:‌‌ ‌ 

fechamento fiis

Confira as principais notícias do mercado de FIIs:

MFAI11 informa resultados e divulga seu perfil de investimentos

O Fundo de Investimento Imobiliário Mérito Fundos e Ações Imobiliárias (MFAI11), administrado pelo Planner Trustee DTVM, divulgou nesta quinta-feira (26) o seu relatório gerencial do mês de julho, no qual descreveu seu resultado e rendimento mensal. Além disso, a gestão mostrou o perfil de investimentos do fundo. 

O objetivo do MFAI11 é fazer investimentos imobiliários de longo prazo, sobretudo através da compra de cotas de outros fundos de investimentos imobiliários e ações de companhias abertas do segmento imobiliário. A posição de fundos imobiliários corresponde a maior parcela da carteira, com intuito de obter rendimentos periódicos e consistentes.

O rendimento por cota no mês de julho foi de R$ 0,71, correspondendo 234% do CDI líquido de IR) e o dividend yield anualizado sobre a cota de fechamento do mês (R$ 90,02) foi de 13,46%. 

Ao final de julho, o Fundo possuía R$ 0,42 por cota de resultado acumulado e ainda não distribuído. 

Em relação aos seus ativos, a carteira do MFAI11 é composta por fundos de investimento imobiliário, preponderantemente, e por ações de companhias abertas do segmento imobiliário. 

O investimento em FIIs tem objetivo principal de obtenção de renda recorrente mensal e, adicionalmente, ganho de capital. O investimento em ações de companhias abertas do segmento imobiliário tem objetivo principal de obtenção de ganho de capital.

No mês, o fundo aumentou sua posição nos segmentos de shopping e de escritório. Além disso, realizamos vendas com ganho de capital de fundos do segmento de recebíveis, majoritariamente. Confira abaixo o perfil de alocações do fundo:

MFAI11

MGFF11 informa resultados e divulga as operações do mês

A gestão do FII Mogno Fundo de Fundo (MGFF11), detalhou em seu Relatório Gerencial divulgado na quinta-feira (26), a performance do fundo no mês de julho. Desta forma, a Mogno Capital Investimentos publicou os resultados do FII e descreveu a movimentação dos seus ativos.

Referente ao mês de julho, o fundo distribuiu R$ 0,55 por cota, resultando em um dividend yield anualizado de 8,66%. Confira os resultados abaixo:

MGFF11

Nas contas da Mogno Capital Investimentos, o retorno mensal total foi de 1,31%, contra um resultado do IFIX de 2,51% em junho. Em relação à variação da cota a mercado juntamente com o dividendo distribuído, renderam -3,63% no mês. 

A gestão explicou que os fundos que compõem o portfólio do MGFF11, todos os segmentos apresentaram resultados positivos. Mas o maior destaque foi os fundos de recebíveis. A explicação mais clara é que os mesmos continuam se beneficiando fortemente do cenário inflacionário atual, uma vez que seus ativos têm prêmios indexados ao IPCA e IGP-M.

Por isso que o MGFF11 aproveitou as oportunidades e efetuou investimentos justamente no segmento de recebíveis. Antes, confira abaixo o perfil das alocações do fundo:

MGFF11

Novos investimentos do fundo

O fundo comprou cotas do KNIP11 (R$ 40 milhões via oferta pública), com possibilidade de subscrever em preço próximo ao valor patrimonial de um fundo que, historicamente, opera com ágio e que possui uma carteira de papéis de primeira linha atrelados à inflação. 

Também, o MGFF11 comprou R$ 13 milhões de cotas do RZAK11, fundo multi-estratégia focado na aquisição de papéis com boas relações de taxa para nível de risco. 

Outro fundo que teve sua cotas compradas pelo MGFF11 foi o KNCR11 (R$ 13 milhões via mercado secundário). Esse fundo possui ativos high grade indexados ao CDI. 

Portanto, com as novas aquisições, os fundos de recebíveis passam a ser o segmento mais expressivo na carteira do MGFF11, com 29% do patrimônio. “Essa alocação está alinhada com o aumento da renda recorrente do fundo e, consequentemente, menor dependência do giro de carteira para a manutenção dos resultados”, disse a gestora. 

A gestora informou que a principal venda do mês de julho foi em CPTS11, no montante de R$ 15 milhões. A liquidação das cotas foi “feita para gerar caixa e adquirir papéis com maior exposição ao CDI e a preços descontados”, destacou a Mogno Investimentos. 

Desta forma, o MGFF11 iniciou julho com 8,4% do seu patrimônio em caixa e encerrou o mês com 4,1%. 

Por fim, a gestão lembrou aos cotistas que o próprio fundo está negociando abaixo do valor de mercado de seu portfólio. Em julho, ele fechou negociado a R$ 75,80, contra um valor patrimonial de R$ 83,46. Ou seja, a oportunidade de investir no MGFF11 com valores descontados fazem do fundo um excelente investimento. 

O Mogno Fundo de Fundos é um FII de papel com objetivo de auferir rendimentos e ganhos de capital na aquisição de cotas de FIIs e outros ativos ligados ao mercado imobiliário.

TGAR11 anuncia resultados e demonstra as movimentações do seu portfólio

A TG Core, gestora do TG Ativo Real (TGAR11), detalhou em seu último Relatório Gerencial divulgado nesta quinta-feira (26), os resultados do fundo no mês de julho. Além disso, a gestão trouxe detalhes sobre as operações e o perfil dos ativos do fundo. 

O TGAR11 é um fundo imobiliário do tipo tijolo (desenvolvimento). O foco de seus investimentos está na construção de imóveis para venda, além de investir em CRIs e ativos na bolsa de valores. 

Em relação aos resultados, o fundo distribuiu R$ 1,08 por cota, o que, dada a cota de correspondeu a um dividend yield mensal de 0,81%, ou, em termos anualizados, de 10,18%. Confira abaixo:

TGAR11

Alocações do fundo

Em julho de 2021, foram alocados R$ 135,21 milhões, tanto em novos ativos imobiliários, dentre crédito e equity, quanto no desenvolvimento de ativos que já compunham a carteira do fundo no fechamento de julho. 

O montante alocado foi o maior aporte realizado nos últimos 11 meses, e tem como destaque a aquisição da Nova Colorado, loteadora que conta com 24 empreendimentos em seu portfólio.

A gestora reforçou que o ritmo de desenvolvimento dos empreendimentos da carteira, bem como a originação de novos empreendimentos, segue acelerado: nos últimos onze meses até julho, foram alocados R$ 712,8 milhões, dentre equity, ativos de bolsa e de crédito, o que corresponde à média de R$ 64,8 milhões por mês. 

Em relação aos investimentos do mês em empreendimentos imobiliários, a gestão destacou os seguintes fatos:

  • Sucesso de vendas no lançamento do empreendimento Parque dos Ingleses em Sorocaba (SP), que tiveram aproximadamente 50% das unidades disponíveis vendidas em seu lançamento; 
  • Venda de mais de 50 unidades no empreendimento Pérola do Tapajós com recebimento recorde de mais de R$ 510 mil; 
  • Inauguração da piscina de ondas do empreendimento Aqualand que, em julho, com mais de mil cotas vendidas (VGV vendido próximo a R$ 43 milhões)
  • Vendas dos ativos localizados no Maranhão, com destaque para os empreendimentos: Cidade Nova I, Cidade Nova II, Park Jardins e Valle do Açaí.

Em relação à carteira de CRIs, o TGAR11 encerrou o mês de julho com 12,97% do seu PL alocado em 35 séries de CRI, espalhadas em 8 estados, correspondendo ao valor de R$ 191,91 milhões. 

A taxa média de juros da carteira de CRI manteve-se em 11,43% a.a. A porção da carteira com o nível máximo de senioridade de capital, por sua vez, encerrou julho em 52,98%.

Em relação às ativos da bolsa que compõem o patrimônio do TGAR11 (2,5% do PL), atualmente essa classe conta com três ativos: 

  • Ações da Alphaville S.A (AVLL3); 
  • Cotas do Brio Crédito Estruturado (BICE11), fundo que passou recentemente pelo seu IPO e, dos R$ 5,00 milhões subscritos, já foram integralizados apenas R$ 80 mil; 
  • Cotas do RBR Rendimentos High Grade (RBRR11), fundo que acabou de realizar a 6ª Emissão de Cotas, em que o TGAR subscreveu e integralizou R$ 7.568.143,11.