A gestão do fundo Hectare CE FII (HCTR11), detalhou em seu último Relatório Gerencial divulgado na última quinta-feira (25), os resultados da alocação de recursos das sua 8ª emissão de cotas. A Hectare Capital informou que o fundo adquiriu novos ativos e distribuiu os resultados neste mês. 

Desta forma, a gestão lembrou aos cotistas que em janeiro, o HCTR11entregou um dividend yield de 1,7%, com pagamento de R$2,00 por cota”. 

Observe na tabela abaixo os detalhes sobre os resultados do fundo:

tabela hctr11

Na verdade, diferentemente dos meses anteriores, o pagamento mensal das obrigações de cada CRI “excedeu o resultado contábil da correção monetária, e por isso foi possível pagar parte da reserva que foi constituída nos últimos meses”. 

Como o fundo emitiu novas cotas para expandir seus investimentos, o HCTR11 realizou uma série de operações, aumentando assim sua carteira de CRIs.

Portanto, com esses resultados, o HCTR11 tem alcançado uma rentabilidade considerada satisfatória por sua gestão. Observe na tabela abaixo:

tabela hctr11

Os resultados da emissão de cotas

A gestora informou que por meio da 8ª emissão de cotas, o fundo arrecadou R$ 360 milhões. Diante disso, foi investido cerca de “71% destes recursos em 15 operações (5 novas e 10 aumentos em posições anteriores do fundo)”.

O fundo adquiriu em fevereiro operações que já faziam parte da carteira.

Abaixo, seguem os CRIs que o fundo aumentou sua posição:

  • CRI Recanto das Flores Sr. (R$ 1,75 milhões);
  • CRI Recanto das Flores Sub. (R$ 750 mil);
  • CRI Circuito de Compras Sr. (R$ 31,45 milhões);
  • CRI Buona Vitta Sr. (R$ 3,02 milhões);
  • CRI Buona Vitta Mez. (R$ 2,84 milhões);
  • CRI Barretos Country Sr. (R$ 2,41 milhões);
  • CRI Barretos Country Sub. ( R$ 1,61 milhões);

Também, o HCTR11 aproveitou o maior caixa e adquiriu novos ativos, incluindo um novo fundo na carteira:

  • CRI Búzios Beach Sr (R$ 7,46 milhões);
  • CRI Búzios Beach Sub. (R$ 3,2 milhões;
  • FII Hectare High Grade -  (R$ 7,5 milhões);

Desta forma, a gestora reforçou que não há qualquer inadimplência em relação aos seus ativos, sendo que todos os pagamentos estão em dia. 

“Mesmo assim, a Gestão mantém o acompanhamento semanal intensificado dos recebíveis das carteiras, avanço de obras e vendas a fim de atuar de maneira proativa aos eventuais impactos nos recebíveis nos próximos meses”, afirmou a gestora. 

Pagamento antecipado e economia gerada

Também, a Hectare Capital informou que houve pré-pagamento da operação Por do Sol (R$2,15 milhões) que resultou no recebimento de uma multa de R$ 40 mil. Além disso, o fundo recebeu R$ 83,2 mil referente aos dividendos do FII RBHY11. 

Por fim, a gestora do HCTR11 ressaltou que houve economia em relação aos custos projetados nesta última emissão de cotas. 

“Assim o custo final da emissão ficou em 2,24% e o valor economizado, de R$ 1.220.000”. Desta forma, este valor será acrescentado no próximo dividendo e portanto, será dividido aos cotistas. 

Conheça do HCTR11

O Hectare CE FII é um fundo do tipo papel que busca a valorização e a rentabilidade de suas cotas no longo prazo, por meio de investimentos em ativos imobiliários como CRIs e outros FIIs. 

O HCTR11 possui patrimônio líquido de R$843 milhões e tem cerca de 7.157.943 de cotas emitidas. 

Para quem deseja investir no HCTR11, o valor da sua cota no mercado é de R$147,51 (atualizado 25/03). Sua taxa de administração é de 0,21% a.a. do patrimônio líquido.