SNAG11 anuncia maior resultado de 2023 e paga dividendos de 14,27% ao ano; Veja valores

O Fiagro SNAG11 anunciou seu maior resultado de 2023 e pagou dividendos de 14,27% ao ano. Veja o valor dos dividendos do SNAG11.

SNAG11 anuncia maior resultado de 2023 e paga dividendos de 14,27% ao ano; Veja valores
SNAG11 anuncia maior resultado de 2023 e paga dividendos de 14,27% ao ano. Foto: Pixabay

O Fiagro da Suno Asset, SNAG11, divulgou seu relatório gerencial de julho, em que reportou um resultado mensal de R$ 5,065 milhões, o maior de 2023 até agora.

Esse resultado do SNAG11 foi obtido a partir de uma receita distribuível de quase R$ 4,424 milhões em julho. As despesas do mês foram de R$ 208,5 mil. Além disso, também é contabilizado nesse resultado final o valor de R$ 850 mil em reserva de lucros.

Referente ao resultado do mês, R$ 3,6 milhões foram distribuídos em agosto na forma de dividendos, equivalente a R$ 0,12 por cota, quantia que se repete pelo 3º mês consecutivo, correspondente a 14,27% ao ano. Em julho, o SNAG11registrou um resultado de caixa de R$ 0,15 por cota.

Vale destacar que o Fiagro realizou recentemente um desdobramento de cotas, na proporção de 1 para 10. Assim, as cotas do SNAG11 passaram a ser negociadas na “base 10” ao invés da “base 100”.

Por essa razão, o valor das cotas de mercado e patrimonial foram reajustadas e o valor dos dividendos do SNAG11 citados anteriormente também seguiram esse reajuste. Em outras palavras, os R$ 0,12 por cota equivalem aos R$ 1,20 por cota distribuídos antes desse desdobramento.

Movimentações da carteira do SNAG11

O portfólio do fundo SNAG11 permanece com 90% de seu patrimônio líquido investido no CRA vinculado às revendas agrícolas lastreadas pela Boa Safra.

Nesse sentido, também ocorreu uma oscilação positiva na participação desse CRA, já que foi feita uma mudança na alocação tática do Fiagro, com a venda da posição de R$ 10,01 milhões do CRI Bem Brasil. Uma parcela desse dinheiro, de R$ 6,03 milhões, foram investidos no CRI Primato, enquanto os demais R$ 4 milhões colocados de forma momentânea em caixa.

O CRI Bem Brasil tinha um yield de IPCA + 5%, já o CRI Primato têm um yield de CDI + 4%, tendo uma “alocação tática mais satisfatória dentro dos propósitos do SNAG11”, diz a gestão.

No mês de julho, o patrimônio líquido do Fiagro SNAG11 teve uma nova oscilação positiva, terminando o período em R$ 302,56 milhões, equivalente a R$ 10,07 por cota.

“A cota de fechamento seguiu essa tendência, refletindo uma oscilação positiva de 1 centavo e fechando a R$ 10,08 (versus R$ 10,07 em junho)”, explicou a gestão.

Durante o mês de julho, também houve um crescimento perceptível no número de investidores do Fiagro SNAG11, que alcançou a marca de 46,5 mil.

Tags
foto do autor: João Vitor Jacintho
João Vitor Jacintho

Redator profissional, com atuação no mercado editorial na produção de notícias e conteúdos sobre o mercado de ações, criptomoedas, fundos imobiliários e economia popular. Graduando em Engenharia Química pela Unesp, também já trabalhei como consultor financeiro.

últimas notícias