Em comunicado apresentado aos cotistas na última segunda-feira (14), a gestão do Hedge Brasil Shopping Fundo de Investimento Imobiliário (HGBS11) informou os resultados do mês de maio. A Hedge Investments, gestora do fundo, também trouxe alguns detalhes sobre o mercado de shoppings e também informou sobre seu portfólio.

A gestão considerou que o mês de maio foi até agora o mais positivo do ano, uma vez que houve a confirmação do cenário otimista que se delineava ao final do mês de abril. O mercado de ações teve valorização de 6,16%, com nova recuperação do real em relação ao dólar que chegou a 3,81%. 

Já o IFIX apresentou desvalorização de 1,56%, “refletindo justamente as preocupações recentes com o aumento da inflação e com seu eventual impacto na elevação da Selic pelo Copom para controlar os preços”, destacou a Hedge Investments. 

A gestora reforçou que o mês de abril de 2020 foi impactado pelo fechamento de todos os shoppings do Brasil em função da pandemia da COVID-19, o que levou a indústria a apresentar variação negativa de vendas de 89% em relação a abril de 2019. Quando comparamos as vendas de abril de 2021 versus abril de 2019, temos uma queda de 65%. Se em 2021 o mês de abril apresentou melhora em relação ao ano anterior, a gestora destaca que maio superou as expectativas em relação ao mês antecedente.

Resultados do fundo

O fundo distribuirá R$ 0,35 por cota como rendimento referente ao mês de maio de 2021, considerando as 10.000.000 cotas no fechamento. O pagamento será realizado em 15 de junho de 2021, aos detentores de cotas em 31 de maio de 2021, informou a gestão. Confira abaixo na tabela:

HGBS11

Além disso, a gestão do HGBS11 reforçou que o resultado contempla as receitas provenientes dos resultados recebidos dos shopping centers investidos, receitas financeiras e despesas operacionais do fundo. 

O HGBS11 encerrou o mês com investimentos em 17 shopping centers, distribuídos em doze cidades e cinco estados, sendo 11 detidos de forma direta, 5 detidos através de cotas de outros FIIs (HPDP11, FVPQ11, FLRP11, ABCP11 e JRDM11), 1 detido parte de forma direta e parte em cotas de WPLZ11.

Abaixo, acompanhe o portfólio do fundo:

HGBS11

Por fim, a gestão informou que 88,5% da carteira de ativos do HGBS11 está alocado em Ativos Imobiliários e 11,5% em: 

  • Fundos de Investimento Imobiliário Líquidos (FII)
  • Certificados de Recebíveis Imobiliários (CRI)
  • Fundos de Investimento Imobiliário de Certificados de Recebíveis Imobiliários (FIIs de CRI) 
  • Outros ativos de renda fixa (RF)

Conheça o HGBS11

O Fundo Hedge Brasil Shopping é um fundo imobiliário do tipo tijolo, com prioridade dos seus investimentos na aquisição de shoppings e na rentabilização por meio dos aluguéis. 

Portanto, o fundo em questão possui patrimônio líquido de R$2 bilhões e tem aproximadamente 10.000.000 de cotas emitidas. 

Para quem deseja investir no HGBS11, o valor patrimonial de sua cota é de R$219,72, sendo sua taxa de administração de 0.60%a.a. sobre valor de mercado do fundo.