O Fundo de Investimento Imobiliário IFI-E Inter (IFIE11), administrado pelo Inter DTVM, divulgou o seu relatório gerencial do mês de novembro, em que descreveu seu resultado e rendimento mensal.

O objetivo do IFIE11 é realizar aplicações principalmente em cotas de FII que façam parte da carteira teórica do índice de referência IFI-E. De forma complementar, as aplicações também ocorrem em ativos de liquidez, buscando trazer uma rentabilidade aos cotistas.

O IFIE11 diz que estão sempre atentos a oportunidades de inovação com responsabilidade. Sendo assim, eles firmaram uma parceria com a Teva Índices para trazer um aprimoramento da gestão dos FIIs passivos e suas metodologias dos índices de referência. O fundo explica que a Teva é especialista em cálculo de índices desde sua criação.

Portfólio do IFI-E Inter

O início do fundo foi em agosto de 2020 e é um FII de renda de gestão passiva. A taxa de administração do fundo é de 0,30% ao ano, apresentando atualmente um patrimônio líquido de R$ 67,07 milhões e acumulou um número de cotistas de 5.618 investidores.

O IFIE11 é um fundo passivo que busca replicar a carteira teórica do índice IFIE do

Banco Inter. Assim, se reproduz a exposição dos fundos do índice com a maior correlação possível, minimizando o seu tracking error, que compara o desempenho de um investimento em relação a um determinado índice.

O IFI-E é um benchmark dos FIIs que são classificados como FII de renda. Estes, por sua vez, investem e alocam pelo menos 2/3 de seu patrimônio em empreendimentos que tenham objetivo de locação.

A carteira do IFIE11 possui 4 segmentos principais, como o logístico, lajes corporativas, agências bancárias e shopping/varejo. Acompanhe o número de ativos e percentual em cada um desses segmentos:

  • Agências bancárias - 1 ativo - 3,75%;

  • Shopping/varejo - 8 ativos - 24,11%;

  • Logísticos - 10 ativos - 34,44%;

  • Lajes corporativas - 10 ativos - 33,45%.

Acompanhe o gráfico da carteira teórica do índice em 2021:

IFIE11 divulga resultado de novembro em relatório gerencial

Resultado e rendimento do IFIE11

A receita do IFIE11 no mês de novembro foi de R$ 483,9 mil, enquanto as despesas totalizaram mais de R$ 19,87 mil. Com isso, o resultado de caixa mensal foi de R$ 464 mil, montante este em que quase 99% foi distribuído. Sendo assim, a distribuição por cota referente ao mês de novembro é de R$ 0,51.

A cota em valor de mercado ao final do mês de novembro atingiu R$ 72,15. Assim, o valor de mercado do fundo é de R$ 64,97 milhões. Já a cota patrimonial do IFIE11 atingiu a marca dos R$ 74,48, acumulando um patrimônio líquido de R$ 67,07 milhões.

O Dividend yield anualizado do IFIE11 até o final de novembro foi de 8,82% ao ano, enquanto o volume negociado no mês foi de R$ 1,02 milhão. Importante destacar que a relação entre o valor de mercado da cota, que é R$ 72,15, e o seu valor patrimonial, de R$ 74,49, é de 0,9686, trazendo o valor para o índice V/PL.