Kinea Renda Imobiliária (KNRI11), fundo imobiliário que busca gerar renda através da locação de um portfólio diversificado de prédios corporativos e galpões logísticos, divulgou seu relatório de gestão e resultados do mês de julho/20.

O documento iniciou apresentando a elevação da taxa de vacância de 5,68% para 5,91% no portfólio do KNRI11 devido a desocupações em dois de seus edifícios corporativos no estado do Rio de Janeiro.

No entanto, seu gestor (Kinea Investimentos) disse que a carteira do fundo continua apresentando solidez frente ao prolongamento da crise do coronavírus, apresentando baixa inadimplência e boa performance de recebimentos de aluguéis no mês de julho.

O patrimônio do KNRI11 (R$ 3,7 bilhões) fechou o mês de julho com uma parcela alocada em ativos de liquidez (R$ 500 milhões) e o restante permanece composto por 19 propriedades sendo 10 edifícios comerciais (escritórios corporativos) e 9 centros logísticos (galpões), o que demonstra, de acordo com seu gestor, o equilíbrio entre a tipologia de logística e de escritório, concedendo maior previsibilidade e menor volatilidade no fluxo de receitas de aluguel.

knri11

Todos os empreendimentos estão localizados na região sudeste do Brasil, com maior concentração no estado de São Paulo.

knri11

O prazo médio dos contratos firmados pelo KNRI11 é de 9,86 anos, sendo que 65% possuem datas de vencimento a partir do ano de 2024.

knri11

No que diz respeito a sua diversificação de locatários, o KNRI11 possui um total de 81 contratos e mais de 50 inquilinos distribuídos em diversas áreas de atuação, sendo os principais segmentos, o setor de serviços e comércio.

knri11

No mercado secundário da B3, foram movimentados um total de 665.332 cotas do KNRI11, equivalentes a cerca de 2,82% do seu total de cotas. Com isso, o volume médio diário somou R$ 4,6 milhões e sua cota obteve uma variação negativa de -7,17% no mês, partindo de R$168,94 em 30 de junho, para R$ 156,82 em 31 de julho.

Atualmente o KNRI11 possui a maior participação (média de 120 FIIs) no índice que representa os principais fundos imobiliários da bolsa de valores brasileira, o IFIX.

Nos rendimentos, o valor que será distribuído pelo fundo referente ao mês de julho cujo pagamento ocorrerá no próximo dia 14 de agosto, foi mantido em R$0,65 por cota, representando um dividendo de 0,41% para o mês (cota base R$ 156,82).

Por fim, a Kinea ressaltou que continua monitorando a carteira de inquilinos de forma a se antecipar a eventuais impactos que o prolongamento da crise do coronavírus possa exercer sobre o fluxo de recebimentos do Kinea Renda Imobiliária.

O KNRI11 é um FII do tipo híbrido administrado pelo Intrag, iniciou suas atividades em meados de 2010 e atualmente possui 200,3 mil cotistas. Sua taxa de administração é de 1,25% ao ano sobre seu valor de mercado e não é cobrado o adicional de performance. Nos últimos 12 meses, a variação da cota é de positivos 2,37%.

 

Ainda não sabe muito sobre FIIs Híbridos? Acesse nosso e-book gratuito e entenda de maneria simples como funcionam os segmentos do mercado.