O Kinea Securities (KNSC11), representado por sua gestora Kinea Investimentos, informou nesta última terça-feira (6) em relatório gerencial, os resultados do fundo no mês de junho. Além disso, a equipe gestora comunicou aos cotistas a movimentação de seus investimentos. 

O fundo divulgou que os dividendos do mês de junho, cuja distribuição ocorrerá no dia 13 de julho, serão de R$ 0,95 por cota. Segue abaixo os resultados do KNSC11:

KNSC11

Em relação à rentabilidade, isenta do imposto de renda para as pessoas físicas, representa 1,00% “considerando a cota da 2ª emissão, de R$ 94,81 que corresponde a 329% da taxa DI do período”, ressaltou a Kinea Investimentos.

No que se refere aos seus investimentos, o KNSC11 apresentava alocação em ativos-alvo equivalente a 99,6% do seu patrimônio. A parcela restante, neste caso os 0,4%, está alocada em instrumentos de caixa que serão destinados a novas operações. Abaixo, observe o resumo das alocações do fundo no mês:

KNSC11

Movimentação da carteira

Os investimentos realizados no mês de junho totalizaram um valor igual a R$ 85 milhões, sendo taxa média de IPCA + 6,30%, distribuído entre as seguintes operações: 

  • CRI FL Plaza: Foi investido R$ 15 milhões em um CRI de 5 anos com taxa de IPCA + 5,50% e R$ 15 milhões em um CRI de 15 anos com taxa de IPCA + 5,80%. 

De acordo com a Kinea Investimentos, a operação foi baseada na aquisição do Ed. FL Plaza por um fundo de investimento imobiliário. O CRI possui como garantia da operação um dos escritórios mais novos da região da Faria Lima. 

  • CRI Ed. Fujitsu: Foi desembolsado R$ 24,75 milhões para um prêmio de IPCA + 6,00% - CRI baseado na aquisição de 7 lajes do Ed. Fujitsu, localizado em São Paulo. 

A operação acima conta como garantias a “alienação do imóvel sendo adquirido, a cessão fiduciária dos recebíveis e um fundo de reserva”, destacou a gestora. 

  • CRI Creditas VIII: Série Sênior R$ 23,13 milhões com taxa de IPCA + 6,80% e Série Mezanino R$ 6,87 milhões com taxa de IPCA + 8,55% - CRI baseado em uma carteira de recebíveis de empréstimos garantidos por imóveis residenciais 

A carteira que lastreia o CRI é muito diversificada, possuindo risco de crédito adequado. 

Relação dos resultados com o IPCA

Como complemento, a gestora destacou que “os CRI atrelados à inflação presentes na carteira refletem, aproximadamente, as variações do indexador IPCA referentes aos dois meses anteriores à apuração de resultados”. 

Portanto, isso significa que os resultados do mês de junho refletem basicamente a variação do IPCA referente aos meses de abril (0,31%) e maio (0,83%). Consequentemente, a apuração de resultados referente ao mês de julho (a ser distribuída em agosto) refletirá as variações do IPCA relativas aos meses de maio e junho. 

Conheça o KNSC11

O Kinea Securities é um fundo do tipo papel, portfólio dedicado ao investimento em valores  Certificados de Recebíveis Imobiliários (CRIs) e cotas de FIIs.

O fundo possui patrimônio líquido de R$609 milhões e tem cerca de 28.107 cotistas. 

Para quem deseja investir no KNSC11, o valor patrimonial da sua cota é de R$94,72, sendo sua taxa de administração de 1,20%a.a. sobre patrimônio líquido.