A‌ ‌Rio‌ ‌Bravo,‌ ‌gestora‌ ‌do‌ ‌FII‌ ‌‌SDI‌ ‌Rio‌ ‌Bravo‌ ‌Renda‌ ‌Logística‌ ‌(SDIL11)‌,‌ ‌detalhou‌ ‌em‌ relatóriogerencial ‌‌divulgado‌ ‌na‌ ‌última‌ terça-feira‌ ‌(10),‌ ‌sobre‌ os resultados do fundo referentes ao mês de julho. Como complemento, a gestão explicou sobre a situação dos seus ativos. 

Referente a julho, o fundo teve sua distribuição de rendimentos em R$ 0,62/cota. A gestão explicou que o resultado foi influenciado diretamente pela continuidade do recebimento da totalidade do aluguel do Centro Logístico Contagem (CLC). Observe os resultados abaixo:

SDIL11

Por isso, a gestão projeta ainda que os rendimentos devem se manter estáveis até o momento do pagamento da segunda parcela da aquisição do CLC, em outubro/2021. 

Depois disso, a distribuição deverá se reequilibrar no patamar de R$ 0,60 por cota. Em se tratando da rentabilidade do fundo, a Rio Bravo disse que o “dividend yield encerrou o mês em uma taxa anualizada de 7,94% em relação ao valor da cota do fechamento mensal, em R$ 93,70/cota”. 

Obras no ativo One Park e locação do Galpão Guarulhos

O projeto de modernização do empreendimento One Park segue para a parte final do cronograma projetado, com foco principalmente na finalização do retrofit das instalações elétricas do condomínio. 

No encerramento do mês de julho, aproximadamente R$ 29,7 milhões foram efetivamente investidos, o que representa cerca de 79% de avanço financeiro. A obra deve acabar no final de outubro

Em relação ao Galpão Guarulhos, o fundo está em vias de fechar um contrato de locação da totalidade da área vaga do Galpão Guarulhos, com contrato de locação atípico em processo avançado de assinatura, onde o inquilino é uma empresa com 40 anos de história e atuação no segmento industrial. 

O contrato de locação a ser assinado deverá ter duração de 20 anos, sendo os 15 primeiros anos caracterizados como atípicos.

Dessa forma, em paralelo à discussão do contrato, a gestão segue para as adaptações ao projeto aprovado anteriormente, uma vez que a nova locação terá uma característica de Built-to-Suit (BTS), ou seja, o empreendimento será feito sob medida para o ocupante. 

Confira o perfil do portfólio do SDIL11:

SDIL11

Sobre o caixa do SDIL11

Ao término de julho, o Fundo possuía cerca de R$ 71,3 milhões em disponibilidade de caixa e aplicados em fundos de renda fixa, além de aproximadamente R$ 27 milhões investidos em FIIs. 

Desta forma, a gestora pontuou que o SDIL11 possui os recursos necessários para dar seguimento às obras de modernização do ativo “One Park” e do “Galpão Guarulhos”, além das obrigações com o pagamento da segunda parcela da aquisição do imóvel Centro Logístico Contagem, projetada para outubro deste ano.

Conheça‌ ‌o‌ ‌SDIL11‌ ‌

 ‌O‌ ‌FII‌ ‌SDI‌ ‌Rio‌ ‌Bravo‌ ‌Renda‌ ‌Logística‌ ‌tem‌ ‌por‌ ‌objeto‌ ‌a‌ ‌realização‌ ‌de‌ ‌investimentos‌ ‌em‌ empreendimentos‌ ‌imobiliários‌ ‌de‌ ‌longo‌ ‌prazo,‌ ‌por‌ ‌meio‌ ‌de‌ ‌aquisição‌ ‌e‌ ‌posterior‌ ‌gestão‌ patrimonial‌ ‌de‌ ‌imóveis‌ ‌de‌ ‌natureza‌ ‌logística‌ ‌e‌ ‌industrial,‌ ‌notadamente‌ ‌galpões‌ ‌logísticos,‌ preferencialmente‌ ‌regiões‌ ‌metropolitanas‌ ‌das‌ ‌principais‌ ‌capitais‌ ‌do‌ ‌país.‌ ‌

 ‌Além‌ ‌disso,‌ ‌o‌ ‌SDIL11‌ ‌possui‌ ‌patrimônio‌ ‌líquido‌ ‌de‌ ‌R$663‌ ‌milhões‌ ‌e‌ ‌tem‌ ‌aproximadamente‌ ‌6.395.050‌ ‌de‌ ‌cotas‌ ‌emitidas.‌ ‌ ‌

Para‌ ‌quem‌ ‌deseja‌ ‌investir‌ ‌no‌ ‌‌SDIL11‌,‌ ‌o‌ ‌valor‌ ‌patrimonial‌ ‌de‌ ‌sua‌ ‌cota‌ ‌é‌ ‌de‌ ‌R$100,36,‌ ‌sendo‌ ‌sua‌ ‌taxa‌ ‌de‌ ‌administração‌ ‌de‌ ‌0,84%a.a.‌ ‌sobre‌ ‌valor‌ ‌de‌ ‌mercado‌ ‌do‌ ‌fundo.‌ ‌