O Fundo de Investimento Imobiliário XP Crédito Imobiliário (XPCI11), administrado pela Vórtx DTVM LTDA., divulgou o seu relatório gerencial do mês de novembro, em que descreveu seus resultado e rendimento mensal.

O objetivo do XP Crédito Imobiliário FII (XPCI11) é alcançar ganhos pela aplicação de seus recursos em ativos financeiros com lastro imobiliário. Entre esses ativos imobiliários, se inclui, por exemplo, CRI, Debênture, LCI, LH e cotas de FIIs.

Com início em 12 de setembro de 2019, o fundo tem uma taxa de administração de 1,00% ao ano, com o mínimo de R$ 40 mil mensais. O XPCI11 destacou que no mês de novembro o IFIX fechou em queda de 3,64%.

Já no lado da política monetária, se aponta que a piora no balanço de riscos e a elevação do risco fiscal, provoca no mercado uma elevação de 150 bps na última reunião de 2021 do COPOM.

Do mesmo modo, o XPCI11 diz que o “conturbado ambiente político e macroeconômico brasileiro segue trazendo apreensão ao mercado, com os principais índices de confiança da economia brasileira seguindo em tendência de queda”.

Portfólio do XP Crédito Imobiliário

O investimento do XP Crédito Imobiliário por classe de ativo em geral se distribui, em valores e em porcentagem, da seguinte forma:

  • CRI: R$ 508,25 milhões (77%);

  • FII: R$ 67,01 milhões (10%);

  • Caixa: R$ 83,54 milhões (13%).

Já o investimento do XPCI11 por ativo-objeto se distribui do seguinte modo:

  • Comercial: R$ 207,47 milhões (40,8%);

  • Crédito Corporativo: R$ 157,77 milhões (31,0%);

  • Residencial: R$ 143,01 milhões (28,1%).

A carteira de Fundos de Investimento Imobiliário (FII) do XP Crédito Imobiliário terminou o mês de novembro com saldo de R$ 67,01 milhões, distribuídos em:

  • XPML11: R$ 23.096.281 (34,46%);

  • KNCR11: R$ 21.312.845 (31,80%);

  • RBRR11: R$ 9.497.487 (14,17%);

  • BLMC11: R$ 7.976.552 (11,90%);

  • GCRI11: R$ 5.131.210 (7,66%).

Resultados e rendimentos do XPCI11

Os rendimentos e ganhos de capital auferidos segundo o regime de caixa do XP Crédito Imobiliário foram de R$ 0,92 por cota. Desse modo, esse número reitera um total de R$ 6,95 milhões em rendimentos e ganho de capital no mês de novembro.

Do mesmo modo que no book de CRI os rendimentos que o XPCI11 recebeu foram de R$ 5,74 milhões. O book de FII apresentou um resultado de R$ 1,07 milhão, considerando rendimentos e ganhos de capital.

A distribuição comunicada no último dia útil do mês de novembro será feita em 14 de dezembro de 2021 para os cotistas do XPCI11 em 30 de novembro de 2021. Essa distribuição representa cerca de 161,64% do CDI no período, já livre de impostos. Desse modo, se tem um rendimento de 190,17% do CDI, considerando um gross up de 15% de impostos.

O valor de fechamento da cota do XP Crédito Imobiliário no mês foi de R$ 91,26, resultado que corresponde a 171,81% do CDI no período, livre de impostos. Já o valor patrimonial da cota chegou em R$ 94,45, em meio a 6.887.865 cotas emitidas. Sendo assim, o patrimônio líquido alcançado pelo fundo foi de cerca de R$ 650,59 milhões.

XPCI11 anuncia resultado e atualização de portfólio em novembro

O número de cotistas do XPCI11 chegou em 49.676, e as receitas do mês de novembro atingiram cerca de R$ 6,96 milhões. As despesas do fundo foram de quase R$ 622,54 mil, alcançando um resultado de R$ 6,34 milhões.