O Fundo de Investimento Imobiliário BTG Pactual Fundo de Fundos (BCFF11), administrado pelo BTG Pactual Serviços Financeiros S.A. DTVM, divulgou nesta segunda-feira (17) o seu relatório gerencial de abril, no qual descreveu seus resultados e rendimentos mensais, assim como a atualização de seu portfólio.

O objetivo principal do BCFF11 é adquirir cotas de outros Fundos de Investimento Imobiliário (FIIs), além de Certificados de Recebíveis Imobiliários (CRIs), Letras Hipotecárias (LH) e também Letras de Crédito Imobiliário (LCI).

O BCFF11 destacou que o cenário externo ficou mais favorável no último mês, isso se deu, segundo o fundo “principalmente devido aos fortes dados econômicos reportados pelos EUA, que seguem em ritmo avançado de retomada da economia à medida que registram a marca de 250 milhões de vacinas aplicadas, sendo que 33% de sua população já se encontra totalmente vacinada”.

O IFIX terminou o mês de abril de 2021 com um retorno positivo de 0,5%. Apesar disso, acumula uma performance negativa em 0,3% no ano de 2021. O BTG Pactual Fundo de Fundos disse que “Enquanto diversos setores da economia demonstrem processo de recuperação em meio à pandemia, como refletido em grande parte na performance do IBOV”. Importante lembrar que o IBOV teve um desempenho positivo de 3.2% em abril.

O BCFF11 ressaltou sobre o IFIX que este “permanece praticamente estagnado desde junho de 2020, com retorno positivo de 2.4% vs 22.6% do IBOV para o mesmo período, o que nos indica que há uma relevante assimetria entre os mercados”.

Portfólio do BTG Pactual Fundo de Fundos

A carteira de ativos do BCFF11 é distribuída da seguinte forma:

  • FII - 94,8%;
  • Renda fixa - 4,6%;
  • Certificados de Recebíveis Imobiliários (CRI) - 0,4%;
  • Outros - 0,2%.

Nos segmentos de atuação do BTG Pactual Fundo de Fundos (BCFF11), o portfólio se distribui da seguinte forma:

  • FII de CRI/CRI - 35%;
  • Comercial - 30%;
  • Logística - 15%;
  • Shopping - 7%;
  • Caixa - 5%;
  • Híbridos - 3%;
  • Educacional - 2%;
  • Hoteleiro - 2%;
  • Hospitalar - 1%.

No total dos ativos do BCFF11, a estratégia é distribuída em 58% de ganho de capital e 42% em renda. Importante destacar que em relação ao patrimônio líquido do fundo, os 10 FIIs com maior percentual são:

BCFF11 divulga resultados em relatório gerencial de abril

 

Vale destacar que o BCFF11 aumentou a alocação em FIIs de CRI e CRIs em relação ao mês passado, principalmente via participação em ofertas restritas. Além disso, os FIIs de CRI, segundo o BTG Pactual Fundo de Fundos “tornam a carteira do fundo defensiva tanto para a abertura da curva de juros quanto para a alta dos índices de inflação e, nesse momento, seguem apresentando uma relação atrativa de risco e retorno”.

Resultados e rendimentos do BCFF11

O valor de mercado do BCFF11 é de R$ 2,167 bilhões, que em meio a 20.562.973 de cotas emitidas, corresponde a R$ 85,95 por cota. Já o valor patrimonial do fundo alcançou os R$ 2,13 bilhões, que equivale a R$ 84,48 por cota. O Dividend Yield Anualizado é de 7,0%. Além disso, chegou-se à marca dos 279.598 investidores. A carteira do fundo apresenta até então 71 FIIs e 8 CRIs.

No mês de abril de 2021, o BCFF11 distribuiu aos seus cotistas R$ 0,50 por cota. Nesse período, o FFO1 do Fundo obteve um resultado positivo na comparação com o mês de março, retornando valor em linha com o primeiro trimestre de 2021. 

O BTG Pactual Fundo de Fundos destacou que no mês o resultado consistente em relação à frente de trading do BCFF11, que negociou cerca de R$ 55 milhões em cotas de FIIs no mercado secundário. Por conta disso, entregou-se um resultado de R$ 0,21 por cota.