O IFIX apresentou na última terça-feira (20), uma valorização de 0,04%, fechando o dia aos 2.841,92. No acumulado do mês de abril, o índice recua para -0,17%, já no acumulado do ano o patamar está em -0,97%. 

Já o índice SUNO30 fechou em alta de 0,03%. Veja na tabela abaixo:

bom dia fiis - fechamento 20-04

Confira as últimas notícias do mercado

BTAL11 divulga o incremento de seu portfólio de investimentos

Na última terça-feira (20), A BTG Pactual, gestora do FII BTG Pactual Agro Logística (BTAL11), informou aos seus cotistas, a evolução do seu portfólio. 

Além disso, o BTG Pactual informou que foi adicionado “excelentes ativos de armazenagem ao portfólio do Fundo, com foco em propriedades novas e de grande valor estratégico para seus operadores”. 

No momento, o portfólio do BTAL11 reúne atualmente 10 ativos, entre os quais: 

  • Oito imóveis inseridos na cadeia logística do setor 
  • Investimento em dois CRIs (com garantia real de imóveis do agronegócio).

Desta forma, o FII BTG Pactual Logística possui patrimônio líquido de R$600 milhões e tem aproximadamente 5.982.736 de cotas emitidas. Em março, o fundo distribuiu R$0,35 por cota. 

RBRR11 anuncia resultados e movimentações de sua carteira 

O RBR Rendimento High Grade (RBRR11), administrado por BTG Pactual, informou nesta última terça-feira (20), descreveu a atualização de seu portfólio, assim como informou aos cotistas seus resultados e rendimentos mensais.

Com 33 CRIs em portfólio, o RBRR11 chegou a um montante investido em CRIs de R$ 634 milhões.

Em relação aos resultados do fundo, as receitas de Certificados Recebíveis Imobiliários (CRI) em março foram “impactadas positivamente pelo reconhecimento de resultado acumulado de inflação em duas das nossas posições indexadas ao IGP-M, índice que já acumula alta de 8,26% de janeiro à março deste ano e 31,10% nos últimos 12 meses”.

Desta forma, o dividendo referente ao mês de março foi de R$ 0,70 por cota. A gestão do RBRR11 reforçou que esse valor está “em linha com o guidance anunciado no último relatório de 0,65 e 0,75 por cota para os demais meses do 1º semestre de 2021”.

RBED11 faz nova aquisição de imóvel

O FII Rio Bravo Renda Educacional (RBED11) administrado pela Rio Bravo, comunicou nesta última terça-feira (20) a confirmação de compra imóvel para o fundo. O valor de aquisição do imóvel foi de R$ 46 milhões e o cap rate de de 8,75% a.a. 

O ativo em questão está localizado em Santo André-SP, numa importante rua comercial da cidade. O imóvel está locado para a Anhanguera Educacional, empresa que faz parte da Kroton Educação, maior grupo educacional do país. 

Além disso, a Rio Bravo informou que o contrato de locação vigente é atípico, na modalidade Sale-Lease-Back (“SLB”), com prazo de vencimento em junho de 2027. 

Para a aquisição do imóvel, o fundo utilizou os recursos advindos da 3ª emissão de Cotas, além de uma operação de securitização dos créditos imobiliários que totalizou aproximadamente R$ 18.624 milhões. 

Com a compra finalizada, a estimativa é que o Fundo deverá continuar com o mesmo patamar de distribuição, ou seja, de R$ 1,03/cota/mês durante o 1º semestre de 2021.