O‌ ‌‌IFIX‌‌ fechou ‌a‌ ‌última‌ quinta-feira‌ ‌(28)‌ ‌em queda de -0,25%,‌ terminando ‌o‌ ‌dia‌ ‌em 2.673,93 pontos.‌ ‌No‌ ‌acumulado‌ ‌do‌ ‌mês‌ ‌de‌ outubro ‌e‌ ‌do‌ ‌ano‌ ‌de‌ ‌2021,‌ ‌a‌ ‌variação‌ ‌do‌ ‌índice‌ ‌é‌ ‌de‌ -1,53%‌ ‌e‌ -6,83%,‌ ‌respectivamente.‌ Confira na tabela abaixo:

Também, o ‌‌índice‌‌ ‌‌‌‌SUNO30‌‌‌‌ ‌‌fechou‌‌ ‌‌em‌‌ queda de -0,22%‌ ‌‌e‌‌ ‌97,08 pontos.‌‌ ‌‌Veja‌‌ ‌‌na‌‌ ‌‌tabela‌‌ ‌‌‌abaixo:‌‌

fechamento fiis

Confira as principais notícias do mercado de FIIs:

MALL11 melhora indicadores e segue confiante em sua recuperação

O Malls Brasil Plural FII (MALL11), representado por sua gestora BRPP Produtos Estruturados, comunicou nesta última quinta-feira (28) os resultados do fundo referente ao mês de setembro. Além disso, a equipe gestora informou o aumento do lucro operacional e demonstrou confiança na recuperação do fundo. 

O cenário ainda é desafiador, mas o fundo foi capaz de gerar um resultado consistente para o mês de setembro, disse a gestora. O MALL11 gerou um resultado no mês equivalente a R$ 0,57 por cota. Confira abaixo:

MALL11

Neste caso, o fundo ainda tem uma base acumulada para os próximos meses, que corresponde a aproximadamente R$ 0,20/cota. 

De fato, o pior momento da pandemia, tudo indica, ficou para trás. Mas a gestão optou por ainda reter parte da base, pois o MALL11 quer voltar para voltar aos patamares de distribuição pré-pandemia mais rapidamente. 

Veja abaixo o patamar de distribuição dos últimos meses e a reserva acumulada:

MALL11

Recuperação do portfólio do fundo

Durante o mês de setembro, todos os shoppings do portfólio do fundo estavam com o horário de funcionamento padrão. 

Somado a isso, o mês passado foi o melhor em termos de geração de lucro operacional - NOI (desconsiderando janeiro), e os shoppings do portfólio já apresentam resultados em patamares próximos aos da pré-pandemia. 

É só olhar os números. Houve a segunda taxa negativa consecutiva de inadimplência líquida (-7% em agosto e -4% em julho), o que significa que a recuperação de aluguéis de períodos anteriores se sobrepôs ao montante devedor no período. 

O indicador de NOI/ m² também apresentou uma melhora de 17% frente ao mês anterior e ficou em um patamar muito próximo ao de agosto/2019, apenas 1,8% abaixo, e parte deste aumento se deve à alta atividade de venda relacionada ao dia dos pais. 

Confira abaixo o NOI por shopping:

MALL11

Sobre o cenário macroeconômico, o indicador de Intenção de Consumo das Famílias (ICF) registrou alta pelo quarto mês consecutivo, crescendo 1,9%. 

Certamente, a melhora no setor de shoppings é resultado da vacinação no país que ajudou a cair os índices da covid-19, onde 70,63% da população já se encontra parcialmente vacinada e 42,46% completamente vacinada. Esses números certamente estão maiores no momento. 

Segundo o Índice Cielo de Varejo Ampliado (ICVA), as vendas no varejo cresceram 0,6% em setembro, descontada a inflação, ante o mesmo mês de 2020, com este resultado, o varejo registra sexto mês seguido de alta. 

A gestão ainda destacou que alguns shopping centers já apresentam indicadores operacionais nos mesmos patamares de 2019 e dada a correlação positiva do NOI dos shoppings com o aumento dos horários de funcionamento. 

O fundo segue otimista em relação à retomada dos resultados, ainda que o cenário de curto prazo da pandemia ainda permanece incerto devido à variante Delta. 

O Malls Brasil Plural FII é um fundo do tipo tijolo, com foco na obtenção de renda a partir da exploração imobiliária de participações em shopping centers.

JRDM11 informa resultados e rendimentos do mês de setembro

O Fundo de Investimento Imobiliário Shopping Jardim Sul (JRDM11), administrado por BTG Pactual  Serviços Financeiros S.A. DTVM, divulgou nesta quinta-feira (28) o seu relatório gerencial do mês de setembro, no qual descreveu seu resultado e rendimento mensal.

Em relação aos seus resultados, o fundo distribuiu referente ao mês de setembro, o valor de R$0,14 por cota. A cota do fundo fechou o mês passando valendo R$66,50. 

Segue abaixo os resultados do fundo:

JRDM11

Em 2019 foi aprovado em assembleia um Capex de R$ 19.464.020,00, no qual restou, após o pagamento da dívida com a Br Malls, bem como o valor de obra provisionado para 2018, o valor de R$ 10.865.276,01. 

A gestão do fundo destacou que o valor consumido em 2018 foi para Regularização imobiliária. O valor consumido em 2019 foi para: 

  • Fim da adequação das escadas externas de acesso ao Shopping, 
  • Início ao andamento da substituição das Escadas Rolantes, 
  • Allowance Shell 

O valor consumido em 2020 foi para dar andamento a substituição das escadas rolantes, retomada da obra da fachada do shopping. Já em 2021 o valor consumido foi para dar continuidade a obra da citada e para pagamento de fornecedores.

Sobre a recuperação do setor de shoppings, a gestão destacou o aumento progressivo nas vendas do shopping, confira abaixo:

JRDM11

O objetivo do JRDM11 é investir em empreendimentos imobiliários do tipo Shopping Center, através da compra de até 40% do Shopping Jardim Sul e até 40% dos direitos aquisitivos relativos às vagas de garagem 1 e 2. Além disso, o Shopping Jardim Sul tem o intuito de finalizar a locação e até mesmo explorar o estacionamento e outros ativos-alvo.