Dividendos do Fiagro SNAG11 são pagos nesta sexta-feira (25); veja valores

Os cotistas do Fiagro SNAG11 vão receber um novo pagamento de dividendos nesta sexta-feira (25). Veja o valor que receberá cada cotista.

Dividendos do Fiagro SNAG11 são pagos nesta sexta-feira (25); veja valores
Dividendos do Fiagro SNAG11 são pagos nesta sexta-feira (25). Foto: Unsplash

Os cotistas do Fiagro SNAG11 vão receber um novo pagamento de dividendos nesta sexta-feira (25). Cada cota receberá o valor de R$ 0,12.

O novo rendimento do SNAG11 tem um retorno mensal de 1,19%, com um Dividend Yield (DY) anualizado de 15,27%, considerando a cota de fechamento de julho, que era de R$ 10,08 (com reajuste após seu recente desdobramento de cotas).

O SNAG11 acumula uma distribuição de R$ 1,35 por cota nos últimos 12 meses. No ano de 2023, foram pagos R$ 0,932 por cota, com uma média mensal de R$ 0,1165 por cota.

Os dividendos do SNAG11 são pagos hoje (25) aos investidores que detinham cotas do fundo até o final da sessão de 15 de agosto de 2023. O dinheiro é creditado de forma automática na conta da corretora de valores dos cotistas aptos a receber.

De forma semelhante ao que acontece nos fundos imobiliários, os dividendos de Fiagros também são isentos de Imposto de Renda para pessoas físicas.

Dividendos do SNAG11

Primeiro ano do SNAG11 na Bolsa de Valores

O Fiagro SNAG11 completa seu primeiro ano de pagamento de proventos, já que foi listado na Bolsa de Valores brasileira (B3) em 8 de agosto de 2022.

Com 1 ano de listagem na B3, o Suno Agro conta com mais de 46 mil cotistas, assim como um volume de negociação superior a R$ 380 milhões, sendo um dos maiores da indústria neste quesito.

O SNAG11 é o primeiro Fiagro híbrido do Brasil. Ele foi criado após uma parceria realizada com a Boa Safra Sementes (SOJA3).

O fundo investe em ativos associados ao agronegócio que, por sua vez, é um dos setores com a maior participação no PIB brasileiro.

Assim, o SNAG11 pode investir tanto de forma direta em imóveis associados ao agronegócio quanto em títulos de dívida do setor.

últimas notícias