VISC11 continua com dividendos recordes e resultado total é de R$ 14,822 milhões em novembro

O fundo imobiliário VISC11 continuou com seus dividendos em patamar recorde e o resultado total foi de R$ 14,822 milhões em novembro.

VISC11 continua com dividendos recordes e resultado total é de R$ 14,822 milhões em novembro
VISC11 continua com dividendos recordes e resultado total é de R$ 14,822 milhões em novembro. Foto: Pixabay

O fundo imobiliário VISC11 divulgou um resultado total de R$ 14,822 milhões em novembro. As remessas dos shoppings somaram R$ 19,751 milhões, correspondente a R$ 0,93 por cota. Referente a esse resultado, o FII distribuiu o valor de R$ 1,00 por cota em dividendos.

Os dividendos do VISC11 permaneceram no mesmo patamar pelo segundo mês consecutivo, mas representam o maior valor da história do FII.

Os rendimentos do fundo totalizaram R$ 10,47 por cota em 12 meses, correspondente a um dividend yield de 8,81% sobre a cotação atual do fundo, que é de R$ 118,90.

Com isso, o VISC11 terminou o mês com um resultado acumulado não-distribuído de R$ 12,087 milhões, ou R$ 0,57 por cota.

“A rentabilidade passada não representa e nem deve ser considerada, a qualquer momento e sobre qualquer hipótese, como promessa, garantia ou sugestão de rentabilidade futura”, ressalta a gestão.

Detalhes sobre a carteira do VISC11

Os indicadores operacionais dos shoppings do fundo imobiliário VISC11 em outubro permaneceram em crescimento em relação ao mesmo mês em 2022.

O NOI de caixa por metro quadrado teve um crescimento de 6,9% no mês. Já o Aluguel Mesmas Lojas (SSR) registrou uma alta de 6,6% na comparação entre os períodos.

“Além disso, os níveis de desconto e inadimplência líquida permanecem em patamares saudáveis de 2,0% e 2,7%, respectivamente”, explicou o relatório do FII VISC11.

O patrimônio líquido do FII até o final de novembro era de R$ 2,4 bilhões, enquanto as participações em shoppings somavam R$ 2,9 bilhões. As aplicações financeiras totalizavam R$ 227,8 milhões, sendo R$ 224,8 milhões de títulos públicos e fundos referenciados DI com liquidez imediata e outros R$ 3,0 milhões em cotas de FIIs.

O VISC11 tem R$ 828,8 milhões de obrigações financeiras referentes a compras prévias. Esse montante já leva em conta a estimativa de pagamento de earnouts e considera os valores líquidos das aplicações financeiras e das parcelas a prazo das vendas de ativos (R$ 408,6 milhões). Assim, as obrigações do FII correspondem a 16,7% dos seus imóveis.

Tags
foto do autor: João Vitor Jacintho
João Vitor Jacintho

Redator profissional, com atuação no mercado editorial na produção de notícias e conteúdos sobre o mercado de ações, criptomoedas, fundos imobiliários e economia popular. Graduando em Engenharia Química pela Unesp, também já trabalhei como consultor financeiro.

últimas notícias